Se não vencer hoje, RG deve continuar?

0
104

RicardoGomes_003_crop_galeriaVencer o Flamengo hoje no Morumbi, além de afastar novamente o time da zona de rebaixamento, irá fazer com que o técnico Ricardo Gomes continue no cargo.

A pressão é enorme, os erros cometidos por insistir em atuar no mesmo esquema sem peças qualificadas para tal, a insistência em escalar atletas que não renderam o esperado desde o início do ano, o fato de não dar oportunidade a reforços que ainda não mostraram seus valores para a torcida (zagueiro Douglas já está liberado há mais de um mês por exemplo), o fato de escalar o lateral Bruno e não o argentino Buffarini que mesmo em fase de adaptação é melhor que o brasileiro, mostram que o momento não é bom.

Wellington estará no banco de reservas, recuperado da contusão o volante pode ser titular em breve já que não temos outro primeiro volante, espero que ao entrar no time, jogue bem e ganhe espaço, pois assim a defesa irá se fortalecer.

Leco insiste em bancar o treinador, mas a cada dia as pressões de conselheiros e de torcedores aumentam e hoje é o famoso dia “D”.

lecoO presidente está sentindo a pressão do cargo, ele não é Juvenal e alguns de seus aliados já demonstram vontade em disputar uma plenária para escolher o candidato da situação, para as eleições que serão realizadas em abril de 2017. Tendo na manga o importante fato de ter reduzido a divida do clube em aproximados cinqüenta por cento, pesa contra o presidente o fato de não conquistar nenhum título, de errar na escolha do treinador após a saída do argentino Bauza, podendo ir para o terceiro no mesmo ano.

E Luxemburgo voltou a falar do SPFC e que tem o desejo de trabalhar no clube. Odiado por parte dos conselheiros do clube, Juvenal quase o contratou na época em que Luxa dirigia o Atlético MG, porém o próprio treinador uso isso a seu favor no Atlético que estava para demiti-lo e recuou ao saber que o Tricolor queria o treinador.

Alguns me acham louco, mas acho Luxemburgo melhor que o RG, sem falar que os jogadores dizem que taticamente ninguém é melhor que ele no Brasil, mas a rejeição até por torcedores também é grande, mas vejo como reversível desde que conquiste as vitórias.

Ainda tenho na memória as belas equipes montadas por ele e penso que ele poderia encontrar aquele antigo Luxemburgo que mudava rapidamente o estilo de jogo de suas equipes jogando um futebol ofensivo e bem jogado, nostálgico seria eu? Ou desesperado com o que vejo atualmente no SPFC?

Não sei responder de imediato, talvez o certo seria um pouco de cada, pois continuo dizendo que o principal problema é o fraco elenco montado pela diretoria, mas um treinador capaz de tirar o máximo de cada um e dar um padrão e estilo de jogo, ajudaria muito nesse momento.

Pitacos:

Esquema: Insisto que deveria ser trocado faz tempo para o 3-5-2, pois o atual 4-2-3-1 não está dando certo com esses jogadores.

Ricardo Gomes: Continuo achando o menos culpado, mas está errando nas escalações e até nas substituições.

Cadê o Pintado: A onde está o ótimo trabalho que o pintado estava fazendo? Alguns jornalistas e parte da torcida diziam que o trabalho dele estava sendo excelente e que ele era o responsável pela “recuperação” dos atletas e do time que o argentino Bauza comandava.

Libertadores: A possibilidade do São Paulo ser um dos convidados usando o critério de que os quatro melhores da última edição estejam na competição, está muito forte no momento, pois além do Tricolor , Boca e River também estariam fora, e isso não seria bom para  a competição que apresentou mudanças.

Carlos Alves, 38 anos, jornalista,pai do Gabriel e pagodeiro/sambista.
Carlos Alves, 38 anos, jornalista,pai do Gabriel e pagodeiro/sambista.

Flamengo: Que saia sangue do corpo dos jogadores do tricolor, após acabarem com o suor de seus corpos, que dêem a vida, mas que vençam o Flamengo, pois ver a torcida e a imprensa carioca tentando empurrar esse hexa que eles apelidaram de hepta, é sacanagem!

Boa semana para todos e boa sorte SPFC!

Comentários

comentários