Veja como o São Paulo pode superar o Grêmio e os EUA para ter Colmán

0
826

GloboEsporte.com

Marcelo Hazan

Clube dos Estados Unidos tem interesse, mas condição de pagamento que agrada ao Nacional, oferta salarial e visita de estafe ao CT da Barra Funda são trunfos.

Cristian Colmán Nacional Paraguai Grêmio São Paulo (Foto: Divulgação)

Cristian Colmán interessa ao São Paulo e ao Grêmio para esta temporada (Foto: Divulgação)

O São Paulo aguarda a resposta do Nacional do Paraguai pela proposta feita por Cristian Colmán. Depois de fazer nova oferta com melhoria nas condições de pagamento, no último sábado, o Tricolor soube do interesse de um clube dos Estados Unidos pelo jogador. É esse o motivo para os paraguaios demorarem a responder: novamente a expectativa de receber uma investida melhor.

O mais novo obstáculo gera cautela, mas o atleta não pensa em ir para os Estados Unidos. Se dependesse do atacante, ele já estaria no Brasil. Ou seja, esse pode ser o último obstáculo enfrentado na novela por Colmán.

Inicialmente, o desejo do Nacional e de investidores de receber ofertas melhores da Europa emperrou acordo que era dado como certo em dezembro. Depois, o Grêmio entrou na disputa pelo atleta. Agora, um clube de nome não revelado dos Estados Unidos volta a adiar o desfecho, programado para ocorrer nesta semana.

No entanto, o São Paulo tem trunfos para, enfim, ficar com o jogador. A oferta de US$ 1,1 milhão (R$ 3,6 milhões), com aumento no valor à vista de US$ 500 mil (R$ 1,7 milhão) para US$ 700 mil (R$ 2,38 milhões), e mais duas parcelas semestrais de US$ 200 mil (R$ 680 mil cada), atende o pedido do Nacional.

Além disso, o pagamento seria menos fracionado do que o sinalizado pelo Grêmio. Paralelamente a isso, a oferta salarial do São Paulo, com contrato de quatro anos, também é mais interessante para o atleta do que a do rival gaúcho na disputa.

Por fim, o São Paulo recebeu a visita do estafe de Colmán na última sexta-feira, no CT da Barra Funda. Justamente por isso, o clube esperava já ter definido a contratação à essa altura. Com cautela, o Tricolor paulista aguarda o tão esperado final feliz da novela.

Comentários

comentários