Eu já estou com a cabeça em 2018!

1
2797

Olá amigos do mais querido tricolor do mundo.

Se não gostamos de perder um jogo qualquer, o que dizer de perde na estreia?
O técnico Rogério Ceni sabe melhor que todos nós sobre isso já que foi um torcedor que vestiu a camisa defendendo nosso time dentro de campo e agora fora dele, e notoriamente nunca gostou de perder (aliás, quem gosta de perder?).

Analisando o jogo pela questão tática, sem dúvida Rogério já mostrou que sabe o que está fazendo. Só a substituição do contundido Wellington Nem por Cícero demonstrou isso.
Mas alguns jogadores precisam de mais tempo para entender e praticarem o que o técnico pede. Sem falar na questão física que há anos virou problema crônico dos times do SPFC.
E Rogério precisa de tempo, mas o elenco não tem esse tempo, porque já começamos o ano disputando 2 competições simultaneamente.

Como disse no meu texto da semana passada, a diretoria de futebol não está conseguindo ajudar o Rogério, o que pode complicar muito os planos do M1to para 2017 ter um time competitivo.

No panorama atual, melhor o torcedor se preparar porque só teremos elenco e condições de brigar por títulos em 2018. Cobrar e exigir isso agora é injusto com o técnico.

A cobrança precisa ser dirigida a diretoria e ao presidente Leco, responsáveis direto por contratações e pela qualidade do elenco oferecido ao M1to. Para “piorar” tem eleições em abril, ou seja, muita coisa pode ser marketing para esse objetivo, esquecendo do projeto para o elenco ser competitivo.

O que pode ser cobrado do elenco e do técnico esse ano é a classificação para a Libertadores 2018. Objetivo mínimo que precisamos alcançar para que não fiquemos mais um ano fora da competição que mais gostamos de participar e ganhar.

Porque 2017 será de muito trabalho para Rogério Ceni e sua comissão técnica preparem um elenco vencedor. Ano também para por em ordem as finanças do SPFC.

Então amigo torcedor, 2017 será o ano de arrumar a casa, do M1to implementar sua filosofia de amor a essa camisa e nós torcedores estarmos juntos com ele e dos jogadores que realmente estão interessados em colocar um novo quadro com a foto deles nas paredes do CCT e de nossas casas.

Não vamos nos enganar mais um ano criando expectativas fora da nossa realidade.

NOVIDADE!

Hoje tem estreia na programação da rádio São Paulo Digital. Em união as web rádios do SPFC, Palmeiras, Corinthians e Portuguesa toda terça feira as 20h tem o programa “Web Debate” ao vivo em rede para todos ouvintes que nos acompanham. Em nossa mesa redonda vamos falar da rodada do Paulista 2017 e claro, aquela resenha e “zoação” sadia e respeitosa entre amigos.

Fique ligado e participe!

Abraços nação e nos acompanhe pela rádio São Paulo Digital.

 

Ricci Jr. é paulista, músico e produtor musical, jornalista, sócio/diretor da Uehbe Digital Marketing, frequentador de estádios desde 84. Como jornalista escreveu sobre música em diversos jornais de SP. Como radialista trabalhou na radio Beira Mar FM (São Sebastião- SP), no programa “SP Esportes” (Trianon AM) e rádios comunitárias. Criou em 2010 a web rádio São Paulo Digital credenciada ACEESP e transmite todos os jogos ao vivo nos estádios. Escreve nesse espaço todas as terças-feiras.

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.

 

Comentários

comentários

1 COMENTÁRIO

  1. É triste começar 2017 pensando em 2018 e é mais triste ainda perceber que temos um presidente mais preocupado em preservar o seu cargo, do que cuidar dos interesses do SPFC.
    Realmente há muita coisa para colocar no lugar neste time, a começar pela gestão. Eu não duvido da capacidade do Ceni, mas sem um lateral esquerdo, sem um segundo volante, sem um camisa 9, meu receio é que este ano não seja de ajuste e sim de descenso.