SPFC em Pauta – Abril continua um mês agitado

0
664

Caros leitores e torcedores, hoje seria a terceira parte da série “Começo dos anos 90”, contando o ano de 1993, pra quem ainda não viu as outras duas, veja aqui e aqui, vamos deixar pra quem sabe a coluna da semana que vem ou uma outra oportunidade.

Essa semana aconteceram muitas coisas que devem ser comentadas, dentro de campo e fora também, como eu falei em uns textos passados, Abril seria um ano agitado para o São Paulo e de fato está sendo, já passamos da metade do mês e faltando dez dias pra acabar já aconteceu muita coisa e ainda tem muita pra acontecer. Quando vencemos a Linense por 5 a 0 e o Corinthians sofreu pra ganhar do Botafogo de Ribeirão Preto, o São Paulo por incrível que pareça ou não, entrou em campo no Morumbi como favorito e a expectativa era essa até os primeiros minutos de jogo. Não vou comentar do jogo em si, pois não pude assistir por motivos pessoais, mas ouvi dizer (fui informado por amigos e por um outro colunista aqui do site) que o time foi apático em campo e que o Rogério mais uma vez errou as substituições. Com o placar de 2 a 0, vamos com uma desfavorável vantagem jogar no campo deles, pode ser isso que novamente desanimou a torcida.

Resultado de imagem para São Paulo x Corinthians Rodrigo caioMesmo não assistindo o jogo, não tem como não saber o fato que aconteceu. Luiz Flávio de Oliveira deu amarelo pro Jô depois de “ele” dar um pisão em Renan Ribeiro, e assim com o amarelo ele ficaria fora do jogo do próximo Domingo, mas, segundos depois, Rodrigo Caio foi até o árbitro e assumiu a culpa pela pisada e assim o cartão dado ao Jô foi retirado, ou invalidado. Há imagens provando que realmente foi o Rodrigo Caio que pisou, ok. E também há uma foto mostrando que o Jô “calça” o joelho do Rodrigo Caio por trás, não sei se isso provocou ou ajudou a acontecer a pisada em Renan Ribeiro, e não vou entrar aqui no mérito se ele tá certo ou não, vai de cada um, alguns torcedores acham que não tá certo e outros acham que foi um dos maiores gestos da história do futebol, eu vou me ater de comentar sobre.

O que fiquei me perguntando esses dias após o jogo, e depois de ver o lance por diversas vezes, foi: Jô falaria ao árbitro se fosse o contrário? Algum zagueiro do Corinthians falaria se fosse o contrário envolvendo Lucas Pratto, Gilberto ou até mesmo Morato? Dizem que o gol de Jô no último domingo foi impedido, se foi, qual o motivo de não falar pro árbitro já que Rodrigo Caio agiu certo?

Outro fato importantíssimo, foi a eleição para novo presidente ou reeleição de Leco que aconteceu na Terça, isso tava uma bagunça, a oposição (Pimenta) falava e divulgava que tinha votos pra vencer, a situação (Leco) falava que vencia com uma certa folga, no dia anterior a oposição (Newton do Chapéu, que apoiava Pimenta) entrou com representação na Justiça pra tentar adiar a eleição, perdeu, e as eleições prosseguiram, sete conselheiros que votariam no Pimenta desistiram de votar, mas (claro) declararam voto em Pimenta. Teve até confusão e bate boca no começo do processo de votação, o que foi apaziguado pelo Presidente do Conselho Deliberativo, e mesmo durante o processo de votação, os votantes no Pimenta já declararam que não teriam votos pra vencer a eleição e já declararam Carlos Augusto Barros e Silva, o conhecido Leco e atual presidente, reeleito. O que muda com a reeleição de Leco? Não sei, é cedo pra falar, alguns dizem que não mudará nada e ficará do mesmo jeito até Dezembro de 2020 que é quando acaba esse mandato, alguns dizem que pode mudar. Leco já anunciou, Raí na Diretoria (remunerado e sem poder de decisão), há rumores que Vinicius Pinotti, que até então era Diretor de Marketing, vire Diretor Geral de Futebol, como falei, vamos aguardar.

Pra finalizar, o jogo de ontem contra o Cruzeiro entramos em campo em uma expectativa adversa do que foi Domingo contra o Corinthians, todos esperavam a derrota e alguns até goleada. Quando Rogério anunciou minutos antes do jogo o time com Renan Ribeiro, Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Junior Tavares, João Schmidt, Cícero, Wesley e Cueva; Morato e Pratto, todos se perguntaram e pensaram “Rogério desistiu, jogou a toalha”, era realmente um time estranho, Wesley improvisado, Cueva voltando de lesão (apesar de ter treinado), Bruno também voltando de lesão, que até aos 19 do primeiro tempo já foi substituido por Jucilei, Morato que chegou esses dias já estreando como titular, Gilberto (um dos jogadores que melhor tá jogando esses últimos tempos e se esforçando) no banco. A verdade é que esse time surpreendeu a todos, jogou bem e mandou no jogo em todo o primeiro tempo, saiu na vantagem com o gol de cabeça (dessa vez do lado certo) do Pratto após um cruzamento do Morato, estreante da noite. Tomamos o empate em uma falha do Rodrigo Caio, que perdeu o tempo da bola, fez falta e o Cruzeiro marcou, e depois gol do Gilberto, faltando 12 minutos pra acabar. O time jogou bem, se jogar no estilo do primeiro tempo contra o Cruzeiro, contra o Corinthians no Domingo, tem muitas chances de reverter o placar de (também) 2 a 0, muitos desacreditam ainda do time, eu vou acreditar pois o que vi ontem no primeiro tempo, animou, ainda mais que o Corinthians foi eliminado em casa ontem.
________________________________________________________________

(Um comentário: Como “orkutzou” esse termo “Modinha” na torcida do São Paulo, hein?! Não é porque a pessoa achou falhas no time e criticou que é modinha. Não se deve nem “apoiar” o jogador quando falha, deve de ser cobrado sim! Apoiar o jogador nas falhas de certa forma, acomoda o próprio (“Erro e não sou cobrado, então nem ligo”). Em toda empresa acontece isso, qual motivo do futebol não ser assim? O jogador é um funcionário como qualquer um e é pago pra exercer sua profissão da melhor maneira, quando alguém falha em uma empresa, nunca se vê quando a pessoa é criticada, outra vir e chamar de “Modinha” porque está criticando a outra. Torcer pro time e ver falhas, não tira o direito de criticar quando precisa, ainda mais nós, membros da imprensa e colunistas)

Até semana que vem!
________________________________________________________________
Contato:

Twitter: @carlinhosnovack | [email protected]

Carlinhos Novack é Jornalista, já foi colunista de outros sites tricolores e ex-LANCE!. Escreve suas colunas na SPNet todas as Quintas.

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição dos proprietários da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.

Comentários

comentários