6-3-Terça – O que aconteceu com Lucão?

2
5067

Dia 18/06 marcou o dia em que Lucão anunciou que sairia do São Paulo. Após uma falha besta contra o Atlético Mineiro, a cada toque na bola, a torcida o vaiava. Segundo ele, já fazia certo tempo que pegam no pé dele e, para a alegria de muitos, como o próprio disse, ele sairia.

Essa pegação no pé do Lucão existe desde que ele subiu. Ele falhava em alguns lances bestas e, uma parcela da torcida o chamava de “Loucão”, porém o auge do ódio foi quando ele falhou grotescamente contra o Corinthians, ano passado. Foi recuar para o Denis e acabou tocando sem olhar, errando o passe e a bola ficou na cara do gol para Lucca aproveitar. Esse ano ele teve algumas chances e demonstrou certa regularidade, não era o melhor, mas não comprometia.

Porém, como um jogador que era promessa na base, chegou a ser capitão da seleção sub 20, precisa sair odiado de um time por uma coleção de más atuações? Pode ser que ele seja apenas uma enganação da base, assim como Lulinha, Aislan, Kerlon e outros milhares de exemplos. Mas também pode ser algo que muitos alegam a torcida do São Paulo de cometer: Queimar jogadores.

Não é de hoje que tem um papo que os São Paulinos “queimam” os jogadores, já que sempre que os odiados saem do time, jogam bem em outro e causam um grande arrependimento. Um exemplo é o Jadson, que era alvo de ataque pela torcida e passou muito tempo na reserva, saiu para o rival Corinthians e foi campeão brasileiro em 2015 jogando muito bem. O mesmo ocorreu com outros jogadores, como Kaká, Arouca, Maicon que está atualmente no Grêmio. Todos queimados pela torcida e que brilham em outros clubes.

Mas parece que com o Lucão é diferente, por que em certos momentos ele faz uma partida boa, não demonstrando ser uma enganação, e ele já cometia alguns erros bestas antes da torcida começar a pega muito no pé dele. Talvez o que falte a ele seja um preparo psicológico adequado, pois tudo pode subir muito rápido à cabeça e ele precisa estar preparado para isso. Como parece que ele não teve esse preparo, isso explica a irregularidade de suas atuações e sua declaração totalmente desnecessária.

Lucão não precisa sair, pode ficar no elenco aprendendo com os mais experientes, tratando de seu psicológico, e quando estiver pronto, tem a capacidade de se tornar um zagueiro importante para o São Paulo. Talvez seja preciso emprestá-lo para que acelere seu desenvolvimento, mas mantê-lo no clube pode ser essencial futuramente.

Descrição: Lucas Tury é estudante, torcedor fanático, vai ao Morumbi frequentemente e torce pra o São Paulo desde pequeno mesmo sendo de uma família de cariocas e palmeirenses. Qualquer dúvida ou sugestão, envie um email para [email protected].

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição dos proprietários da SPNet ou de sua equipe de colaborador

Comentários

comentários

2 COMENTÁRIOS

  1. Àqueles que dizem que ele precisa de mais uma chance – valha-me! – seria o caso de perguntar por que este rapaz seria merecedor de tantas oportunidades. Já não as teve? Já não errou em demasia? Não seria melhor apostar em outro jogador, consagrado ou não? Que insistência mais chata!! E outra, chega do assunto Lucão. Ele saiu, graças a Deus. Agora é pensar nos novos contratados e na recuperação do time. Não faço questão nenhuma de saber qualquer detalhe outro sobre esse jogador.

  2. O que aconteceu é que esse merda nunca foi bom, entregou a rapadura na seleção de base e também fez o mesmo com o São Paulo.

    Provavelmente é filho ou neto de alguém importante de Cotia para ser aprovado na peneira.

    Fraco, burro, incompetente e chorão