Erros da defesa, falhas no ataque. Ceni terá dois dias para arrumar o São Paulo

A dois pontos da zona de rebaixamento, Tricolor enfrentará na quarta-feira o Atlético-PR, na Arena da Baixada, onde nunca venceu na história

0
150

O alerta está ligado no São Paulo. A derrota por 2 a 1 para o Atlético-MG, a quarta no Campeonato Brasileiro e a primeira no estádio do Morumbi, deixou a equipe comandada por Rogério Ceni a dois pontos da zona de rebaixamento da competição.

Para piorar, o próximo jogo da equipe é contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, onde jamais venceu desde o surgimento do estádio na capital paranaense. O duelo será na quarta-feira, às 21h45.

Rogério Ceni terá apenas dois dias para resolver dois problemas. O primeiro é o defensivo. O São Paulo, até o clássico contra o Corinthians, tinha a melhor defesa da competição, com apenas dois gols sofridos. Levou três do rival e mais dois do Galo. Destes cinco gols, vários foram em falhas individuais. Recuperar a confiança dos seus defensores será primordial.

Rogério Ceni terá dois dias de treinos para preparar o São Paulo (Foto: Marcelo Hazan)
Rogério Ceni terá dois dias de treinos para preparar o São Paulo (Foto: Marcelo Hazan)

Além do mais, o treinador não sabe se poderá contar com Rodrigo Caio, que retornou da seleção brasileira e foi vetado pelo departamento médico por causa de um edema na coxa esquerda. O atleta reclamou de uma dor no local no treino realizado na tarde de sábado, no CT. À noite, foi ao hospital e fez uma ressonância magnética, que não apontou nenhuma lesão.

Outra dúvida: Lucão vai continuar na equipe? Além de ter falhado nos dois gols do Atlético-MG, o jogador deu uma entrevista polêmica ao término da partida, dizendo que logo logo estaria fora do clube. O técnico Rogério Ceni não gostou do que foi falado. Vale lembrar que Lucão já disputou seis jogos no Campeonato Brasileiro. Se jogar mais um, não poderá se transferir para outra equipe da Série A.

Na frente, o time também perdeu o rumo. Passou em branco no empate por 0 a 0 com o Sport, na última quarta-feira, e perdeu inúmeras oportunidades no duelo contra os mineiros, conforme apontado pelo treinador na entrevista coletiva.

– De todas as partidas que fizemos no Morumbi no Campeonato Brasileiro, foi a que mais criamos e foi a que justamente não saímos com a vitória. Quando marcamos o gol de empate, tudo sinaliza que sairíamos com a vitória. Tivemos chances para fazer 2 a 1 e até 3 a 1, mas não fomos felizes. E aí veio o gol do Atlético-MG. Depois, perdemos a confiança. É preciso analisar a partida pelo que a equipe fez num todo – ressaltou o treinador são-paulino.

A deficiência ofensiva também havia sido apontada por Lucas Pratto em entrevista na última sexta-feira. Contra o Atlético-MG, Ceni erá muitas opções para montar o setor, mas deixou claro que Gilberto não começará jogando ao lado de Pratto, já que ele não vê como dois centroavantes atuarem juntos desde o início.

A equipe volta aos treinos na tarde desta segunda-feira, no CT da Barra Funda.

Rogério Ceni vai ter de se virar em dois dias para corrigir problemas do São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)
Rogério Ceni vai ter de se virar em dois dias para corrigir problemas do São Paulo (Foto: Marcos Ribolli)

[GloboEsporte.com]

Comentários

comentários