Dorival Júnior indica contratação do meia Léo Cittadini, do Santos, para o São Paulo

Técnico comandou o meia em seu ex-clube, mas negociação não é fácil, pois tem concorrência do Chievo, da Itália, e interesse do jogador em atuar na Europa

2
1193

técnico Dorival Júnior indicou ao São Paulo a contratação do meia Léo Cittadini, do Santos. A negociação está em estágio inicial e não é fácil. O jogador de 23 anos não tem espaço no Peixe e só atuou três vezes sob o comando de Levir Culpi, mas deseja se transferir para o futebol europeu.

O Chievo, da Itália, tem interesse em Cittadini, mas o valor de compra fixado sugerido pelo Alvinegro no empréstimo (5 milhões de euros – R$ 18,5 milhões) esfriou as conversas. A ideia do Tricolor é tê-lo por empréstimo de um ano. Seu contrato com o Peixe termina no fim de 2018. Os presidentes Carlos Augusto de Barros e Silva e Modesto Roma Jr. são bastante próximos.

Léo Cittadini está na mira de Dorival (Foto: Ivan Storti/Santos FC)
Léo Cittadini está na mira de Dorival (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Léo Cittadini é armador de origem, mas foi habitualmente utilizado como segundo volante por Dorival no Santos. O atleta nunca teve grande sequência como titular, mas sempre figurou entre as primeiras opções no banco de reservas.

Essa posição de segundo volante tornou-se uma carência no São Paulo depois da venda de Thiago Mendes para o Lille, da França, e os afastamentos de Wesley (negocia rescisão de contrato) e Cícero (liberado para procurar outro clube).

No momento, Petros é a principal opção para exercer a função. O jovem Araruna, que neste Campeonato Brasileiro só atuou como lateral-direito, está machucado. E Hernanes, que surgiu no São Paulo nesse setor, tornou-se meia, mais próximo da área rival, ao longo da carreira.

Comentários

comentários

2 COMENTÁRIOS