Além das 4 linhas – Cueva

0
524

A polêmica do momento são as boas atuações do Cueva pela seleção do Peru quando comparadas com as atuações dele pelo SPFC.

Mas alguém tem dúvidas a respeito dos motivos da crise que vivemos no clube né?

O SPFC não vive a maior crise de sua história porque dentro do clube vai tudo bem. É claro que há inúmeras razões para isso tudo e não começou hoje, começou em 2009. Um bom time o clube tem e se o futebol não aparece, mesmo trocando o treinador e 20 jogadores, é que a coisa é grave e disso ninguém tem dúvida faz tempo. Então qual o motivo da bronca com o rapaz bom de bola? Isso da conversa dele com o Rodrigo foi besteira causada pelo momento. Uma coisa nunca podemos nos esquecer e precisam lembrar o Rodrigo: Roupa suja se lava em casa.

A solução para a má fase passa pela diretoria, a mesma que a causou. Vai ser difícil resolver uma crise enorme deixando nos lugares as pessoas que causaram esta crise. O problema é de gestão e os mesmos gestores estão lá faz anos! Nesta última noite fui dormir pensando que o caso é para renúncia de toda a diretoria e que um novo presidente deveria assumir assim que 2017 acabar. Adianta ir ao Morumbi apoiar se sabemos que em 2018 será igual? Ou 2017 está diferente de 2016?

Mas quem deveria assumir? Na semana passada escrevi justamente sobre isso. Faz anos que esta gente está no comando e ninguém aparece para ajudar. Quer dizer, são todos cúmplices! Quem poderia ajudar está cuidando dos seus problemas particulares e deixando o clube à deriva em péssimas mãos. Um movimento enorme com a participação até dos problemáticos, no sentido de prometerem paz, deveria acontecer, mas qual a razão de não acontecer? Em suma,  julgo como falta de amor ao clube, o que nunca faltou dentro de nossa história e por isso chegamos onde chegamos.

Então nada de culpar Cueva, Rodrigo Caio, Dorival, Buffarini e etc. Todos estes tem carreira de sucesso em outros lugares. Os caras estão num barco que estão fazendo tudo certo para dar errado. O cara sai de casa sem vontade de trabalhar no SPFC e não sai do clube por ter contrato. Quem podia sair foi embora. O Maicon em 12 meses saiu de Deus e virou vilão. O clube está podre.

Eu não vejo saída mantendo as mesmas pessoas no comando. Vamos “escapar” em 2017 e depois em 2018 vamos viver a mesma coisa.

Basta!

Uma nova lista de jogadores que podem sair foi bastante comentada nos últimos dias, ela tem Wellington Nem, Gilberto, Marcinho, Morato, Edimar, Lugano, Denílson, Jucilei, Denis e Cícero. Estão trocando tudo menos o que precisa. Concordo que tem jogador que não é para o SPFC, mas é justamente isso, quem os contratou?

Com humildade o grupo político que comanda o maior do Brasil tem que chegar e declarar que são ótimos gestores, homens inteligentes e íntegros, mas para o futebol, este negócio super complicado, eles não nasceram.  É hora de dizerem: Quem são os caras que podem chegar e assumir arrumando a casa? E digo mais, não é arrumar o santo Muricy para mais um milagre. Assim em um ano tudo volta. Precisamos de planejamento para curto, médio e longo prazo.

Salve o tricolor paulista, o clube da Fé.

carlito150x150

Carlito é advogado, trabalha como representante comercial, frequenta o Morumbi desde 1977 e prefere o time que vence ao time que joga bonito. Escreve nesse espaço todas as quintas-feiras.

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.

Comentários

comentários