Além das 4 linhas – Kaká

1
1393

Resultado de imagem para Kaká spfcEu acompanhei de perto a carreira do Kaká, o melhor jogador que já foi revelado nas categorias de base do SPFC, além de ser o único que saiu do tricolor a receber o título de melhor do mundo. Foi uma pena ele ter saído tão cedo, mas com todo bom jogador é assim, coisa parecida ocorreu com o Lucas e outros.

Hoje em dia, e na volta dele antes de ir jogar nos USA também, Kaká já não é aquele cara do arranque veloz que destruía defesas.  O cara ainda é bom, claro, mas sem a velocidade, o seu principal diferencial. Sinceramente não vejo seus jogos na América do Norte para avaliar com precisão seu nível atual, mas a julgar pelo tempo que ele está lá e como ele estava aqui antes de ir, acredito que o investimento não pode ser alto. Ele que venha fazer caridade para os pobres brasileiros e ajudar um pouco o SPFC, o clube que o revelou e foi obrigado a vendê-lo barato por conta do tempo de contrato que ele tinha com o tricolor antes de sair pela primeira vez.

No futebol moderno um time não pode ter um “velhinho” em campo, pois os demais terão de correr por ele, um sacrifício que quase nunca dá certo. Só nos resta saber se este sacrifício valeria a pena. Pelo que vi aqui na última passagem não acredito que o clube deva pagar um salário alto a ele. Só se um patrocinador bancar, tipo a Gilette. Hoje seria reserva em minha opinião.

Mas eu gostei muito da declaração do cara sobre ser treinador no futuro: “Fazer como Zidane é uma boa idéia. Ele parou, deu um tempo, viu mesmo se era realmente o que ele gostava, estudou, fez um curso, começou numa categoria de base. Eu sou mais por esse lado também. Agora, tem gente que acha que já tá pronto” – afirmou o ex camisa 8. Isso é um cara de consciência.  Kaká é um jogador diferenciado. Teve boa formação. Trata-se de mais um cara que poderia contribuir com o SPFC em alguma função a ser estudada, assim como o ex lateral Leonardo. Hoje já temos o Raí fazendo algo pelo maior do Brasil. Leonardo é um sonho antigo para mim. Assim como Muricy. Queria ver todos estes no clube.

Para 2018 espero um ano estável do SPFC e de progresso constante. Quando analisamos o trabalho do Dorival no Santos, ele tirou o peixe do rebaixamento em 2015 e em 2016 foi vice campeão brasileiro, a mesma posição que eles estão hoje. Num campeonato competitivo como o nosso, chegar em segundo lugar dois anos seguidos não é pouca coisa. O trabalho foi bem feito por lá e eu não considero o Santos um clube com a estrutura e o dinheiro que tem o SPFC, que tem o Palmeiras, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo e Grêmio. Isso ganha ainda mais valor. Isso quer dizer que por dois anos seguidos os caras chegaram e estão na frente de quase todos os clubes citados, com exceção do time campeão. Temos que reconhecer o valor disso e Dorival fez parte deste trabalho, um cara que enfrenta resistência no SPFC, mas até o Muricy e seu inédito tri brasileiro enfrentaram, tanto que foi dispensado. Futebol é uma coisa pouco racional. Se nosso treinador fosse dispensado hoje, quem seria a opção? Eu não vejo nenhum.

Que o clube saiba escolher os melhores caminhos.

Salve o tricolor paulista, o clube da Fé.

carlito150x150

Carlito é advogado, trabalha como representante comercial, frequenta o Morumbi desde 1977 e prefere o time que vence ao time que joga bonito. Escreve nesse espaço todas as quintas-feiras.

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.

Comentários

comentários

1 COMENTÁRIO

  1. Caro Carlito, primeiramente parabéns pela sua coluna, ela é ótima. Eu só discordo de você quando diz que o Dorival sofre oposição no SPFC. Há muito não vejo, lá pela bandas do Morumbi, um técnico tão respeitado, nem mesmos aqueles conselheiros chatos falam mal dele. É uma unanimidade a opinião de que o Dorival não tem a menor culpa pela situação que vivemos.