Internado no CT do São Paulo, Petros diz: “Só não jogo se não puder caminhar”

3
575

GloboEsporte.com

Marcelo Prado

Volante faz tratamento contra dores na coxa esquerda; para ele, jogo contra Fluminense é “final”.

As dores na coxa esquerda ainda incomodam, mas Petros não quer nem saber: quer estar em campo na quarta-feira, contra o Fluminense, no Maracanã, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O volante está praticamente internado no Reffis do CT da Barra Funda para reunir condições de ajudar o Tricolor em mais um duelo direto na luta contra o rebaixamento.

– Só não jogo na quarta-feira se não puder caminhar. O jogo é importante. O tratamento tem que ser feito. Ainda sinto um pouco de dor, mas isso não é importante. Estou 100% para jogar na quarta-feira. O foco total é o Fluminense – afirmou o meio-campista tricolor.

Petros está em tratamento intensivo no CT (Foto: Marcelo Hazan)

Petros está em tratamento intensivo no CT (Foto: Marcelo Hazan)

Petros tem um estiramento na coxa esquerda. Ele sentiu a lesão no primeiro minuto da partida contra o Atlético-MG, realizada na última quarta-feira, na Arena Independência. No mesmo dia, iniciou tratamento. Na sexta, enquanto os atletas trabalharam no gramado, ele seguiu no Reffis.

No sábado, fez a mesma coisa na parte da manhã. Atuou no sábado à noite, quando ganhou elogios do técnico Dorival Júnior após a vitória sobre o Atlético-PR. E, no domingo à tarde, já estava de volta ao CT para continuar o trabalho de fisioterapia.

Na segunda-feira, o atleta fez tratamento por dois períodos e repetirá a dose na terça-feira. A tendência é que ele nem vá a campo no treino tático, o último trabalho antes da viagem ao Rio de Janeiro. Tudo para estar pronto para atuar diante dos cariocas.

A vitória sobre o Atlético-PR tirou o São Paulo do Z-4, mas, para continuar tendo paz e evoluindona competição, será preciso ao menos somar um ponto no Maracanã. Uma nova derrota, como aconteceu contra o Atlético-MG, poderá fazer o time perder força e novamente retornar para o grupo das piores equipes da competição.

Petros tem na ponta da língua o que o time precisa fazer para evitar que o pior aconteça novamente:

– Para dar o segundo passo e seguir subindo, o time precisa de um pouco mais de concentração. É encarar o jogo como se fosse uma final de campeonato. Fazer o diferente para conquistar o resultado.

Comentários

comentários

3 COMENTÁRIOS