São Paulo tem interesse em contratar Gustavo Scarpa, do Fluminense

3
7403

GloboEsporte.com – André Hernan e Marcelo Hazan

O São Paulo tem interesse na contratação de Gustavo Scarpa, do Fluminense. Trata-se de uma ideia inicial e não há um avanço de negociação concreta neste momento.

O clube do Morumbi discute internamente como poderia abrir uma negociação com o Fluminense. A comissão do técnico Dorival Júnior busca um jogador com características de chegada forte ao ataque e boa finalização.

O Tricolor paulista também tem interesse no camisa 10 rival porque sabe que no meio do ano pode perder seus dois principais meias. Hernanes fica sem contrato em 30 de junho e a chance de permanência é muito pequena. Além disso, Cueva está valorizado porque vai participar da Copa do Mundo e uma negociação poderia acontecer.

Gustavo Scarpa, Fluminense x Sport, Fluminense (Foto: LUCAS MERÇON/FLUMINENSE F.C.)

Gustavo Scarpa, Fluminense x Sport, Fluminense (Foto: LUCAS MERÇON/FLUMINENSE F.C.)

Ainda que tenha contrato com o Fluminense até setembro de 2020, Gustavo Scarpa vive um clima de indefinição em relação a seu futuro.

No domingo, o técnico Abel Braga aprovou a modalidade de troca de jogadores valorizados, como Gustavo Scarpa.

O ambiente entre o camisa 10 e a torcida tricolor não é dos melhores. Ele chegou a ser vaiado na reta final do Campeonato Brasileiro e não escondeu a irritação.

Contra o Bahia, marcou um gol e praticamente não comemorou. O gesto incomodou ainda mais o tricolor carioca. Scarpa não falou com a imprensa nas últimas semanas. A possibilidade de saída é vista como possível nos bastidores do Flu, seja por desejo do jogador ou por necessidade financeira.

O atleta de 23 anos soma 51 jogos, marcou sete gols e deu 16 assistências nesta temporada. Ele é o maior garçom do Brasileirão, com 12 passes para bolas na rede e atuou nas 38 rodadas do campeonato nacional.

Comentários

comentários

3 COMENTÁRIOS

  1. Gente não confie em nada desta merda de Diretoria.
    Um bando de incompetentes, eles só contratam meia boca, zé ruela, bichado e refugo.
    2018 mais um ano de sofrimento, ainda mais com LECO no comando em um rosário de
    vexames, decepções, fiascos, e cambalachos.