e-planning ad

São Paulo “se vinga” de Ney Franco com gol no final contra o Vitória e respira

05.10.13 - 22:58 em Noticia

Fonte : Uol

No reencontro entre Ney Franco e seu ex-time, o São Paulo este duas vezes na frente do Vitória na noite deste sábado no Morumbi, mas cedeu o empate. No fim do jogo, conseguiu o gol da vitória. As equipes ficaram no 3 a 2 pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Antônio Carlos (duas vezes) e Luis Fabiano marcaram para os mandantes, enquanto o ex-são-paulino Juan e Dinei fizeram para o time rival.

Não faltavam ingredientes para uma partida nervosa. O principal deles era o reencontro do técnico Ney Franco desde que deixou o São Paulo e nunca escondeu sua mágoa. Mais do que isso, o reencontro com o goleiro Rogério Ceni, com quem teve uma troca pública de acusações. Os dois sequer se cumprimentaram antes do jogo. Outro que reencontrava o time do Morumbi era o lateral esquerdo Juan, que foi descartado pelo clube e hoje defende o Vitória.  E foi justamente ele quem começou a estragar a festa tricolor, ao fazer um gol de pênalti quando a equipe paulista vencia. No entanto, um gol no final do jogo deu a tensa vitória ao time paulista.

Com o resultado, o São Paulo volta a vencer após três derrotas consecutivas e vai a 30 pontos e dorme fora da zona de rebaixamento da competição. Agora o clube paulista torce por um tropeço do Vasco neste domingo, contra o Flamengo. O Vitória, por sua vez, estaciona nos 37 pontos, na sexta posição na tabela.

O São Paulo começou a partida dando mostras de que não iria se complicar. Já aos 4min, depois de cobrança de escanteio, o zagueiro Antônio Carlos subiu mais que a defesa adversária e abriu o placar. Porém, o gol não deu a tranquilidade esperado ao time paulista. Aos poucos, o Vitória, bem postado em campo, percebeu o nervosismo do rival e passou a explorar isso.

Em mais de uma oportunidade, o Vitória chegou com perigo e parou em Rogério Ceni ou na falta de pontaria de seus atacantes. O São Paulo, por sua vez, levou perigo em chutes de média distância e em jogadas individuais de Ademilson.  Aos 30min, no entanto, Rogério Ceni fez pênalti em Dinei. Para completar, o arqueiro tomou o terceiro cartão amarelo e não pega o Cruzeiro.

A cobrança coube ao lateral esquerdo Juan, ex-jogador do São Paulo e que foi muito vaiado pelos torcedores presentes na arquibancada. Mesmo levando um escorregão, ele converteu e empatou a partida no Morumbi. Após o gol, Rogério Ceni ficou revoltado com o árbitro, dizendo que o rival tocou duas vezes na bola quando escorregou e por isso o gol devia ser anulado.

No segundo tempo, os ânimos das equipes não se alteraram. Ainda nervoso, o time comandado pelo técnico Muricy Ramalho buscava o ataque de forma desorganizada. Mais consciente, o Vitória tentava controlar o jogo e explorar o contra-ataque. Os dois times tiveram chance de fazer o segundo nos primeiros dez minutos da etapa complementar, mas não aproveitaram.

A partir de então, o São Paulo foi só ataque e o Vitória se encolheu. Foi assim que o time da casa voltou a liderar o placar aos 20min, com Luis Fabiano. Porém, nem deu tempo de comemorar. Apenas três minutos depois, após um bate e rebate na área, Dinei empatou para o Vitória. Aos 42min, a redenção. Novamente após cobrança de escanteio, o zagueiro Antônio Carlos decretou a vitória do time mandante.

 

Por

Comments Closed

8 comentarios em São Paulo “se vinga” de Ney Franco com gol no final contra o Vitória e respira

  1. FOI NA RAÇA E DEVOLVEMOS O PLACAR DE 3 A 2 QUE TOMAMOS LA NA BAHIA

  2. Mas que grata surpresa esse Tonhão hein! Para mim um dos titulares no ano que vem.
    Time para 2014:
    Cavalieri; algumlateralqueprestepeloamordedeus, A. Carlos, x, Cortez?; R.Caio, Denilson, Ganso, Jadson; LF e Welliton recuperado. TIMAÇO!

  3. esses caras do sportv são uns fdp ta la aquele tal de vilaron falando mais bosta ainda depois do jogo lazarentos bando de cornos filhos de vagabundas gambás do inferno

  4. Foi na raça! Se não vai na técnica tem que ser assim mesmo!

  5. Saiu a ameba do Douglas e ganhamos, foi no sufoco mais ganhamos.

    Só não entendo porque o Douglas entra jogando? O cara não marca, não defende, só corre.