Tragédia, surpresa, dinheiro e reforços!

1822

Semana passada a falta de motivação, juntamente com a falta de notícias me fizeram escrever uma coluna curta e meio sem graça (particularmente não gostei), então, se você que leu e achou o mesmo, me desculpe.

Mas hoje tudo voltou ao normal e espero que gostem…

Jonathan Calleri (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Jonathan Calleri (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

O SPFC está dependente de Calleri e Maicon, o primeiro parecia que era o caso mais difícil, porém a tragédia que aconteceu em sua vida pessoal, pode ter ajudado o Tricolor a ficar com o argentino até o final do ano.

Calleri ficou surpreso com a forma que o caso foi tratado pelo SPFC e sua torcida, quando falo SPFC falo todos os setores envolvidos, ou seja, comissão técnica, diretoria e jogadores.  Seria normal e previsível que após a notícia, o atleta fosse liberado após o jogo, mas o lado humano falou mais alto que o esportivo e isso surpreendeu o atacante.

O camisa 12 voltou da Argentina e se viu amparado pelo elenco e depois pela torcida, isso pesa, pois além de estar em um grande clube, disputando títulos, sendo protagonista e com um bom salário, ele está “próximo” de casa e se senti querido e importante.

Se ficar será excelente para o todos, o momento da diretoria é esse, o pai do jogador já pensa que o melhor seria esperar um pouco mais, assim ganharia mais experiência e consolidaria ainda mais seu nome antes de ir para a Europa e podendo ir com o status de titular e não uma aposta. Esse jogador é para ser titular de time grande da Europa para disputar títulos como aqui e as opções atuais não se encaixam nesse padrão e o cenário mudou a favor do Tricolor…

Já o zagueiro Maicon parece estar tomando o rumo do adeus, o Porto recusou cerca de R$ 20 milhões que o Tricolor ofereceu pelo zagueiro, isso porque os portugueses perceberam a importância do atleta para o SPFC, à vontade da torcida e do zagueiro em ficar, porém investir quase R$ 30  milhões em um zagueiro é demais.

O silêncio da diretoria que informa estar trabalhando em sigilo para não dificultar ainda mais a negociação, começa a gerar um desconforto para a torcida e faz a comissão técnica trabalhar cada dia mais com a possibilidade de não contar com o xerife.

Dois zagueiros que estão na Europa e não são brasileiros já estão negociando com SPFC, um é argentino e pode ser o zagueiro Garay, que passou por vários problemas pessoais nos últimos anos e não foi o zagueiro que todos pensavam que seria na Europa.

Bauza afirmou que o clube esta conversando com atletas que possuem “jerarquia”, nascido em Rosário, tendo atuado pelo Newll´s Old Boys, o zagueiro de 30 anos se encaixa no padrão.

Dinheiro: Como disse anteriormente nessa coluna, o SPFC deve arrecadar mais de R$ 20 milhões em bilheteria na Libertadores. O jogo do próximo dia 06 de julho deve render cerca de R$ 7 milhões, sendo que desses R$ 5,5 milhões vão para o tricolor paulista, se chegar a final esse valor deve ultrapassar a casa dos R$ 9 milhões.

Torcida no MoruntriO sócio-torcedor passou da casa dos 100 mil sócios, ou seja, a bilheteria do clube na Libertadores, representa um patrocinador máster de R$ 22 milhões e o sócio torcedor deve render mais do que R$ 45 milhões ao clube, que é um valor pago pela Globo para Cruzeiro, Atlético por exemplo. Se mantiver esses números em 2017, o sócio torcedor pode render R$ 80 milhões, o clube está respirando, dinheiro está chegando mesmo com a crise que o país enfrenta, então cabe ao clube manter um elenco forte para que o próprio clube continue com esses ótimos números.

Pitacos:

Bauza: Após a entrevista ao jornal Lance em que disse que não quebra contrato por oferta melhor e se o SPFC quiser renovar hoje, ele renova, o argentino parece ter conquistado a simpatia até dos que não gostavam muito de seu estilo. Patón deve renovar e pode realmente fazer história no futebol brasileiro.

Gustavo Vieira: Trabalhando em silêncio nas negociações para reforçar o elenco, mas Gustavo, tente ser mais rápido a Libertadores está chegando, dois atletas para reforçar o elenco e a renovação/ definição do caso Maicon se possível para essa semana!

Denis: Está melhor, tenho que ser sincero, ainda acho que não é goleiro para o SPFC, mas hoje está mais seguro que antes e se continuar a evoluir, posso mudar a opinião.

Carlos Alves, 38 anos, jornalista,pai do Gabriel e pagodeiro/sambista.
Carlos Alves, 38 anos, jornalista,pai do Gabriel e pagodeiro/sambista.

Kardec: Tchau! Não dá mais, péssima fase, empresta o cara para ele recuperar a auto estima, já disse antes, empresta por um ano para o Corinthians pela liberação imediata do Pato.

Ganso: Jogando muito, que fase!

Boa semana para todos!