Fala, Conselheiro! – Por que eu voto sim?

175

A partir dessa semana, a SPNet abre espaço para aqueles que de fato decidem o futuro de nosso clube: os conselheiros, eleitos pelos associados e com poder de decisão no Conselho Deliberativo.

E o primeiro a usar esse espaço é Rodrigo Gaspar, que além de conselheiro, é Assessor da Presidência do clube.

POR QUE EU VOTO SIM?

Por Rodrigo Gaspar

 

Publicidade

Primeiramente gostaria de afirmar que não concordo com as alterações estatutárias que foram feitas após 2003. Elas foram maléficas ao SPFC e jamais deveriam ter sido aprovadas a época.

Ocorre que passados 12 anos que a ação contesta tais alterações, pela primeira vez vi no SPFC a vontade de finalizar esse processo, de modo com que o clube possa evoluir e se modernizar. Houve algumas tentativas de se formular um acordo com os signatários da ação. Chegaram muito perto de um bom termo, porém por divergências pequenas não foi possível concluir.

É importante ressaltar que que a proposta de acordo formulada pelos signatários da ação, trazia também a ratificação dos atos impactados pelas alterações do estatuto de 2004 para cá. Isso por que para que o novo estatuto seja incontestável juridicamente é preciso reconhecer a legitimidade da composição do conselho e diretoria que conduzirão esse processo.

Não há como reescrever o passado. Os erros cometidos ao longo da história não serão apagados. O Ato de ratificar o que foi alterado, não isenta ninguém, tão pouco esconde alguma coisa. Quem lesou o clube deve responder por seus atos. Precisamos é olhar para o futuro, corrigindo o que está errado e não permitindo mais alterações casuísticas.

Ao SPFC, nesse momento, interessa fazer a desejada e necessária reforma estatutária, o que está sendo proposto atendendo justamente tudo aquilo que era contestado. Pela primeira vez na história teremos a participação do associado de forma ampla e transparente no processo. Isso é sinal de grande avanço… Outros serão consequência da ampliação do debate, como profissionalização, responsabilidade fiscal(orçamentária), meritocracia entre outros…

Pensando no futuro, modernização e principalmente a implantação de princípios democrático no clube, eu voto SIM!!!


rodrigo-gasparRodrigo Gaspar é conselheiro e assessor da Presidência do SPFC

Twitter: @Rodrigo_Gaspar

 

 

 

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor entre com seu comentário!
Entre seu nome aqui

cinco + 12 =