Além das 4 linhas – Xeque árabe

7793

Ganhar e perder é da vida, é do esporte, mas um clube gigante precisa sempre estar na “disputa” dos campeonatos em condições de vencê-los. Isso infelizmente não vem ocorrendo com nosso querido SPFC, e a razão é a péssima administração que comanda o clube faz alguns anos.

Logo após o jogo contra o Sport no último sábado, nosso multi campeão treinador declarou que o SPFC só tem dois caminhos: Dispensar os jogadores caros e ficar com um time de garotos ou arrumar um investidor e voltar a ser o que sempre foi. A dívida gigante não permite que o clube sozinho faça o dever de casa e monte um time competitivo como os melhores do país. Esta é a realidade nua e crua.

A lista de jogadores caros que não rendem ou não jogam o que poderiam jogar é feita e conhecida, resta saber se o clube vai conseguir se livrar dos altos salários de Victor Bueno e Pablo por exemplo. Os dois possuem potencial e no SPFC não rendem o esperado e o condizente com os seus vencimentos. A vida é assim. O melhor a fazer é proporcionar aos atletas que consigam desempenhar suas profissões em outro lugar.

Publicidade

Sobre a forte declaração do RC o assunto é realmente pesado e passa por uma profunda transformação no clube. Em verdade acho que o futebol brasileiro vai passar por esta grande mudança em breve, só espero que o SPFC não perca a oportunidade que surgir. Existem grandes empresas internacionais dispostas a assumir clubes como o SPFC. Isso foi o que aconteceu com o PSG por exemplo. Uma gigante com os cofres lotados de dinheiro e muita capacidade gerencial chega e compra o futebol do clube por alguns anos e em condições previstas em contrato, ou seja, se os caras não fizerem o que foi escrito o SPFC bota os caras para correr. Simples assim.

Mas o fato é que esta preocupação nós tricolores não devemos ter, já que o nome da super empresa que assumir o clube estará na mídia e os contratos preveem multas enormes caso não façam a coisa de acordo com o estabelecido. Nós nem precisamos nos preocupar, na verdade temos que comemorar. A lamentar temos apenas o momento atual, que já dura anos,  e a continuidade com estes políticos incompetentes no comando. Se um Xeque árabe assumir o SPFC a transformação será superpositiva em todos os setores do clube, a começar pela gestão, que será profissional e deixará todos os setores em dia com o que há de melhor. Como o clube terá dono, esquece os casos de roubos e demais ocorrências do tipo como empresários de jogadores mandando no clube ou em Cotia. Isso acaba na hora e os casos que houverem serão devidamente cuidados e os culpados dispensados, como faz toda boa organização.

Numa empresa de futebol do tamanho que pode se tornar o tricolor do Morumbi todo mundo vai querer jogar e trabalhar, podem ter certeza no que vos falo aqui nesta pequena reflexão sobre o maior e mais vitorioso clube da história do futebol brasileiro que os incompetentes quebraram e transformaram num clube que briga na parte do meio da tabela todo ano. Mas deixa estar, uma big empresa irá assumir o SPFC e esta gente nunca mais entrará nas salas internas deste orgulho nacional chamado São Paulo Futebol Clube, o único tri campeão mundial do nosso futebol.

Mas se alguns acham que este caminho que seguiu o PSG, o Liverpool e tantos outros é ruim, não tem problema, vamos continuar a torcer para não cair. E veremos alguns pequenos e médios crescerem graças a competência e dinheiro de multinacionais, sim, pois se uma empresa, ou várias empresas, deste porte, pegar qualquer clube do Brasil ele se transforma.

Salve o tricolor paulista, o clube da fé.

Carlito Sampaio Góes