LG em Foco – Empurrando bêbado

1033

Salve amigos tricolores.

O tema é esse mesmo, sem muita enrolação, esse time covarde só bate em bêbado, e tem que estar muito bêbado mesmo, praticamente em coma alcoólico, pois se estiver apenas um pouco embriagado leva uma surra ou no máximo empata.

Empurrar bêbado de ladeira abaixo qualquer um faz, e isso não é mérito nenhum, é obrigação, esses times medíocres no máximo tem que bater tiro de meta quando enfrentam um tri campeão do mundo. Agora vemos o Antony emocionado por ter feito um belo gol contra a Chape, lógico, depois de muitas partidas totalmente inoperante, nada como uma canja quentinha  para recuperar a confiança.

É sério?

Qualquer um vira Pelé jogando contra time de nível de série B, ou jogando contra meninos do pré-mirim na seleção, mas some em jogos grandes, justamente quando mais precisamos. E hoje não pode cobrar esses mimadinhos, hoje eles são sentimentais, podem chorar, buaaaaaa.

O que aconteceria com o Telê se estivesse vivo hoje e colocasse o menino Juninho Paulista em campo contra o poderoso Milan numa final de Mundial?

Seria execrado? Talvez não, sabe por quê?

Por que Juninho sempre teve personalidade, queria crescer, sabia que aquele era o momento da vida dele, não era feito essa geração todinho com play station, hoje qualquer coisinha pode queimar os bichinhos. Que cuti, cuti.

Senhor Leco e Senhor Raí, o ano acabou, será que dá pra chamar algum Youtuber ou mesmo um garoto de 10 anos para começar o planejamento de 2020? Procurem na internet o significado da palavra planejamento por favor. Esse timeco vai se classificar para a Libertadores mas vai tomar porrada caso se encontre com Palmeiras, Flamengo, Boca, River e etc.

Vão fazer o que com o Pato, Pablo e Hernanes?

Vão esperar que o Pato (que pra mim hoje é apenas uma pegadinha do Silvio Santos), venha a estourar no futebol? Se ele estourar, vai ser mais uma vez no SPA do Reffis.

Vão confiar que o Pablo vai comandar o ataque em 2020? Ele no máximo vai comandar o ataque no reffis. O Atlético deve gargalhar toda vez que vê Raneil, Pato ou Vitor Bueno atuando como centroavante. Foi tão grande o que fizemos com o Barcelona  em relação a venda Douglas que a vida descontou com o Pablo, só pode ser a Lei de Causa e Efeito, não tem outra explicação.

Hernanes? Meu pai eterno. Eu pedi a volta de Hernanes, peço desculpa a todos, eu também fiz parte desse mico. Cara, se aposenta, acabou, da mais não, já era, faz feito o Leonardo fez quando o Kaká o colocou no banco de reservas (sim o Kaká vindo da base, que fez dois gols numa final, esse sim foi queimado pela torcida) tirou o time de campo, tinha uma bela história para queimar apenas por dinheiro.

Daniel Alves, o maior lateral do planeta, ou ala como alguns gostam de falar, ganhou mais de 40 títulos jogando com Messi, Xavi, Neymar, Cavani…, daí vem encerrar a carreira no “clube do coração” jogando ou melhor tentando jogar de meia. Ah, mas se tivesse ido para o Flamengo estaria jogando muito, nossa torcida é chata. Pqp, o time do Flamengo é completo, pasmem, até o jogador de condomínio está bem por lá, e é fácil isso ocorrer, lá ele não toma pressão constante de atacante, lá não precisa se destacar individualmente como faz o Bruno Alves aqui, esse já estaria no Real Madrid se estivesse jogando no Flamengo, até o Arão joga bem ali.

Vão me chamar de modinha com certeza, modinha por não estar acostumado a ver meu time ser tratado como lixo e ser humilhado por time pequeno, modinha por não aceitar contratação de jogador pereba e mercenário, modinha por achar que deveríamos estar disputando com o Falemengo e Palmeira de igual.

Síndrome de Vira-lata, muitos se acostumaram a isso, muitos estão esperando o salvador, o novo idolo. Acorda merda, os tempos são outros, tem que contratar jogador que ainda tenha ambição na carreira, que queira ganhar uma libertadores, que isso como meta de vida.

Eu não estou feliz em apenas comemorar que time grande não cai, isso não é titulo, tem que comorar o título de campeão, aposto que o campeão brasileiro também não vai cair.

OBS: Nem nos piores momentos, no tempo em que jogava Valdir e Almir no ataque, nem mesmo com o Rondon nosso time era tão ruim. Saudades do França, Amoroso, Luizao, Palhinha, Muller…

Devolvam ao Gigante o seu status de Gigante

Luis Gustavo, mais conhecido como LG, é são-paulino desde 1990 e frequentador da SPNet desde 2001

E-mail: [email protected]


ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.

Leia também: