Na Rede – Surpresa

577

Surpresa define o jogo contra o Ituano, imaginei que seria um “saco” esse jogo. Porém o

Vagner Mancini fez o que muitos pediam, escalou um meio campo leve, tirou o Carneiro para nunca mais voltar assim espero e a turma de Cotia, e principalmente o Igor Gomes mostraram que não é preciso pagar uma baita grana por Tchê-Tchê e Calazans para se ter um time leve e veloz, estilo que o Cuca quer para o elenco do São Paulo

Mas o que impressionou mesmo foi o Igor Gomes, que é elogiado desde as categorias de base e mostrou personalidade ao falar para o Mancini “conte comigo” e foi premiado decidindo para o tricolor e pôde dar para a torcida uma certa esperança de que não é impossível avançar contra o Ituano como eu e muitos imaginávamos.

Só que com a “ajuda” que o Tiago Volpi deu para o time de Itu, o confronto está em aberto, e jogando com a torcida ao seu favor é bem provável que o Ituano vá para o ataque. Ou seja, para o Mancini é melhor repetir essa escalação, e deixar o Nenê para entrar no decorrer do tempo. Tiago Volpi por mais que tenha falhado no lance do gol, foi fundamental fazendo boas defesas e mostrando que é o melhor comparado a todos os goleiros que jogaram desde que o Rogério Ceni aposentou.

E o Everton Felipe finalmente resolveu jogar pelo São Paulo. Espero que possa ser constante agora, assim quem sabe mais para a frente nós vemos se os 6 milhões foram validos. Hudson foi um bom quebra-galho na lateral direita, mas não o fixaria lá. Mas enquanto não acha o ideal, pode ir ajudando por ali e a diretoria já pode ir aliviando o caixa e encerrar o empréstimo do Bruno Peres.



SPNauta, qual é a sua opinião? Deixe nos comentários!

Matheus Couto é estudante de Comunicação Social – Rádio TV, torcedor fanático do São Paulo. Escreve toda segunda-feira nesse espaço.

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.