Ceni revela participação em reunião, mas nega influência em ‘fico de Muricy’

43

LANCEPRESS!

Após protestos, São Paulo respira e faz três no Morumbi (Foto: Ale Cabral/LANCE!Press)

Após a vitória do São Paulo por 3 a 0, neste domingo, sobre o Linense, no Morumbi, Rogério Ceni revelou ter participado da reunião, na última quinta-feira, no CT da Barra Funda, com a diretoria são-paulina e o técnico Muricy Ramalho. Mas, por outro lado, negou influência na decisão dos dirigentes, que seguraram o treinador no cargo durante o encontro.

– Fui convidado ao final da reunião, nem sabia o que estava acontecendo, participei só cinco minutos. Foi pedido para mim como capitão ir até lá, mas a decisão é muito deles (dirigentes) com o próprio Muricy. Qualquer troca em cima de jogo importante é complicado – explicou.

Sobre o gol marcado em falta e a partida, o goleiro e capitão são-paulino foi modesto, citou sorte no lance do gol e elogiou a entrada de Alan Kardec no segundo tempo.

– O Linense tinha sido o penúltima em que eu haviado feito um gol. Sorte contra eles – brincou.

– Nosso segundo tempo foi legal, melhor. O primeiro foi muito ruim, eles se propuseram a ficar na defesa e a gente não conseguiu penetrar, mas o Kardec, que é atacante de referência, entrou e fez dois. Ter atacante de referência é importante para o nosso esquema – complementou.

3 COMENTÁRIOS