Autor de dois gols, Kardec minimiza ajuda ao rival: “Pensamos só em nós”

39

GloboEsporte.com – Marcelo Prado

Em 2007, ano em que o Corinthians foi rebaixado no Campeonato Brasileiro, Alan Kardec era atacante do Vasco e, de cabeça, marcou o gol que garantiu a vitória por 1 a 0 sobre o Timão, na penúltima rodada do torneio – relembre aqui, com vídeo. O tropeço deixou a equipe com um pé na Série B e o rebaixamento acabou sendo confirmado na rodada seguinte, diante do Grêmio.

São Paulo x Atlético-MG Alan Kardec (Foto: Marcelo Zambrana/Agif/Estadão Conteúdo)Alan Kardec comemora um de seus dois gols (Foto: Marcelo Zambrana/Agif/Estadão Conteúdo)

O tempo passou e, oito anos depois, Alan Kardec, com a camisa do São Paulo, marcou dois gols que ajudaram sua equipe a vencer o Atlético-MG por 4 a 2, resultado que ajudou o Corinthians a ser campeão brasileiro. Questionado, ele deixou claro: não tem papel direto no rebaixamento e nem no título do rival.

– O fato é curioso, mas acho que ninguém é rebaixado ou é campeão em uma partida. Se eles caíram lá atrás, é porque não tiveram um ano bom. Em 2015, eles tiveram um grande ano, com muita regularidade. Nós nos preocupamos apenas em vencer a partida porque precisávamos do resultado para entrar no G-4 – afirmou o jogador.

Alan Kardec foi um dos heróis da vitória sobre o Galo na noite de quarta-feira. Ele entrou aos 19 minutos do segundo tempo na vaga de Bruno e marcou dois gols. No primeiro, aproveitou rebote de Victor após chute de Luis Fabiano e bateu de pé direito, cruzado, no canto direito do goleiro atleticano. No segundo, recebeu cruzamento de Rogério e, de cabeça, testou no canto esquerdo de Victor.

Feliz com a volta ao G-4, o atacante pede cabeça no lugar para a equipe.

– Ainda temos três decisões pela frente, não tem nada conquistado. A Libertadores é o nosso objetivo, temos de continuar batalhando – completou Kardec, sobre os jogos contra Corinthians (no domingo), Figueirense e Goiás.

2 COMENTÁRIOS