Leco traz mulher de Juvenal Juvêncio para nova diretoria do São Paulo

107

GazetaEsportiva.net

(Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)
Leco trouxe Roberto Natel e José Francisco Manssur de volta ao São Paulo (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

O presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, oficializou nesta quinta-feira os nomes dos dirigentes que integrarão a nova diretoria do clube até abril de 2017. Eleito para substituir Carlos Miguel Aidar, que renunciou no dia 13 de outubro após ser acossado por denúncias de corrupção, Leco emplacou nomes de confiança em cargos estratégicos e surpreendeu ao entregar o cargo de diretora de assistência social à mulher do ex-mandatário Juvenal Juvêncio, Angelina.

A diretoria de assistência social presta serviços aos funcionários do clube e aos associados. O cargo a ser ocupado por Angelina geralmente é destinado à primeira-dama e, assim como os demais postos da diretoria, não conta com remuneração. Ela já havia exercido as funções durante toda a passagem de Juvenal pelo São Paulo. Não há informações sobre os motivos que levaram a mulher de Leco a declinar do convite.

Leco era visto nos bastidores são-paulinos como o sucessor natural de Juvenal na presidência, mas acabou traído pelo ex-presidente ao ter a sua candidatura preterida pela de Aidar. À época, Leco teve de se contentar com a oferta para assumir a presidência do Conselho Deliberativo – cargo que exerceu até as eleições da semana passada. Já Juvenal começou a gestão de Aidar dirigindo as categorias de base e, após se desentender com o ex-presidente, foi demitido da função em setembro do ano passado. Ele não compareceu ao pleito que elegeu Leco por estar com a saúde muito debilitada.

Outra mudança de destaque na diretoria diz respeito à vice-presidência geral do clube, que passou de Júlio Casares para Roberto Natel. A vice-presidência de comunicações e marketing também sofrerá alterações. Douglas Schwartzmann, que também foi acusado de corrupção durante a gestão de Aidar, dará lugar a José Francisco Cimino Manssur.

Está confirmada a manutenção de Ataíde Gil Guerreiro na vice-presidência de futebol e de Rubens Moreno na direção de futebol. Ambos haviam deixado os cargos após a briga em que Ataíde desferiu um soco em Aidar – um dos pontos cruciais para a renúncia do ex-presidente. A recondução da dupla ao departamento de futebol ocorreu na gestão interina de Leco.

O presidente ainda recontratou Gustavo Vieira de Oliveira para ser diretor-executivo e Alexandre Bourgeois para o cargo de CEO. Ambos foram demitidos por conta de rixas com Aidar. Ao contrário dos demais dirigentes, Oliveira e Bourgeois contarão com uma remuneração.

Confira a relação com os nomes de toda a nova diretoria do São Paulo:

Presidente: Carlos Augusto de Barros e Silva
Vice-Presidente: Roberto Rhormens Alves Natel
Vice-Presidente Administrativo: José Jacobson Neto
Vice-Presidente Social e de Esportes Amadores: Carlos Henrique Sadi
Vice-Presidente de Futebol: Ataíde Gil Guerreiro
Vice-Presidente de Patrimônio: Elias Barquete Albarello
Vice-Presidente de Comunicações e Marketing: José Francisco Cimino Manssur
Diretor Secretário Geral: José Carlos Ferreira Alves
Diretor Jurídico: Paulo Eduardo Mutti
Diretor de Planejamento e Desenvolvimento: Marcos Francisco de Almeida
Diretor de Relações Internacionais: Carlos Alberto de Mello Caboclo
Diretor Administrativo: José Moreira
Diretor Financeiro: Adilson Alves Martins
Diretor de Orçamento e Controle: Sergio Viola Alves
Diretor Social: Manuel José Mendes Moreira
Diretor de Esportes Amadores: Fernando Bracalle Ambrogi
Diretor de Futebol de Campo Social: Marcello Benedicto de Souza Junior
Diretor de Tênis: Fernando Yanaguibashi
Diretor de Futebol Profissional: Rubens Antonio Moreno
Diretor de Futebol Amador: Luiz Antonio da Cunha
Diretor de Manutenção: Tércio Bispo Molica
Diretor de Obras: Sílvio Paulo Médici
Diretor de Estádio: Rafael Moreira Palma
Diretor de Marketing: Vinícius Pinotti
Diretor de Comunicações: Bruno Caetano
Diretor Ouvidor: Roge David
Diretora de Assistência Social: Angelina Juvêncio
Assessor da Presidência: Rodrigo Roquete Gaspar

4 COMENTÁRIOS