Almoço de confraternização marca despedida de Rogério do CT da Barra Funda

46

SãoPaulo.F.C

Érico Leonan

Goleiro foi homenageado pelos funcionários e recebeu uma placa do clube. “Obrigado por tornar o São Paulo ainda mais São Paulo”

Se o Morumbi é a sua segunda casa, o Centro de Treinamento da Barra Funda é a extensão de um dos locais favoritos do capitão Rogério Ceni. E nesta quinta-feira (10), como forma de retribuir e agradecer todo o carinho e profissionalismo das pessoas que diariamente trabalham para fortalecer ainda mais o Tricolor, o goleiro organizou um almoço de confraternização com os funcionários são-paulinos. O camisa 01 reuniu funcionários e membros da comissão técnica antes do Jogo dos Sonhos, que será disputado nesta sexta-feira (11), no Morumbi, e celebrará os 25 anos de carreira do M1TO ao lado dos campeões mundiais de 1992, 1993 e 2005.

Pela manhã, no complexo de imprensa do CT, o arqueiro reuniu os trabalhadores e enalteceu o profissionalismo de cada um durante toda a sua trajetória no time principal. “Gostaria de reunir vocês aqui, hoje, porque é uma oportunidade de poder me despedir. É muito bacana ver que vocês fazem parte disso tudo. Sem vocês, que trabalham todos os dias nos bastidores, nada aconteceria no campo de jogo. E isso vale para cozinha, lavanderia, seguranças, funcionários que cuidam do campo e comissão técnica”, afirmou o capitão, que continuou.

“Todos que trabalham no CT sempre me ajudaram e sempre procurei representá-los dentro de campo. Lembro que no início, quando fui promovido ao profissional, pegava carona todos os dias com o João (garçom), às 5h30. Começamos praticamente juntos, mas ele seguirá trabalhando aqui. E fico feliz em ver que assim como ele, outros profissionais também se dedicam todos os dias para fazer do São Paulo o clube grande que é”, acrescentou.

Depois, Rogério presentou os funcionários do CT com uma camisa especial, posou para as fotos e participou de uma partida de futebol durante alguns minutos em um dos campos. “Eu só queria ter a oportunidade de agradecer cada um de vocês, pois fizeram parte da minha história no São Paulo. Fico um pouco triste por deixá-los, porque todos foram importantes para mim, mas feliz por saber que fiz muitos amigos aqui. Tenho certeza de que os funcionários continuarão fazendo o bem para este clube durante muitos anos”, disse.

Honrados com a oportunidade de trabalhar ao lado do M1TO durante todo este período, os funcionários e membros da comissão técnica também presentearam o capitão. O roupeiro Ratinho, em nome de todos os trabalhadores do São Paulo, homenageou o goleiro com um quadro assinado por todos os membros do CT da Barra Funda. Na sequência, o gerente de futebol do clube, José Carlos dos Santos, representando a diretoria, entregou uma placa ao ídolo tricolor. “Rogério, você fez história. Obrigado por tornar o São Paulo Futebol Clube ainda mais São Paulo”, está escrito na placa.

Vale ressaltar que o evento de confraternização desta quinta estava marcado para a última quarta-feira (9). No entanto, com o falecimento do ex-presidente Juvenal Juvêncio, o almoço foi adiado. “Quero que todos os funcionários saibam que sempre tentei representá-los com respeito e dedicação. Sempre tratei todos olhando olhos nos olhos, e agradeço a chance de ter convivido com cada um. Podem ter certeza de que sempre lembrarei de todos”, finalizou Rogério.