Douglas quer chance, mas São Paulo buscou reforço por causa dele; entenda

1478

GloboEsporte.com

Possíveis saídas motivaram contratação de Bruno Alves, concorrente do zagueiro que quer ser usado pela primeira vez com Dorival.

Douglas espera a primeira chance com o técnico Dorival Júnior, do São Paulo. O comandante dirigiu a equipe em 10 partidas, nas quais o defensor não foi usado nenhuma vez. A vaga pode pintar contra a Ponte Preta, no próximo dia 9 de setembro (outro sábado), no Morumbi, pois Arboleda está suspenso.

Assim como Douglas, Lugano, Aderllan e o recém-contratado Bruno Alves não atuaram com Dorival. Todos esperam uma oportunidade do treinador e estão de olho na vaga de Arboleda. A diferença no caso de Douglas para os outros zagueiros é que ele teve uma possibilidade de sair na janela de transferências.

Essa era a informação do São Paulo: de que Douglas e Rodrigo Caio poderiam deixar o clube. Isso motivou uma busca apressada por defensores no mercado, até surgir a oportunidade de Bruno Alves. Ele rescindiu com o Figueirense por salários atrasados. Agora, Rodrigo Caio e o próprio Douglas devem permanecer ao menos até o fim do ano.

– Chegaram algumas sondagens por meio do meu empresário, mas nada de concreto. Também mantive a posição em seguir trabalhando, para que consiga conquistar meu espaço aqui no São Paulo. Foram sondagens vindas da Alemanha e do Leste Europeu, onde fui muito bem em pouco mais de três anos no Dnipro, da Ucrânia – disse Douglas.

Douglas é um dos postulantes a vaga de Arboleda, suspenso contra a Ponte (Foto: Erico Leonan - site oficial do São Paulo FC)

Douglas é um dos postulantes a vaga de Arboleda, suspenso contra a Ponte (Foto: Erico Leonan – site oficial do São Paulo FC)

Até então, Arboleda havia atuado em todas as partidas desde que estreou pelo Tricolor. Ele foi convocado pela seleção equatoriana e não participa dos treinos no CT da Barra Funda.

– É uma oportunidade, sem dúvidas. E tenho trabalhado para que ela chegue. Espero que neste período em que estamos apenas treinando eu possa me destacar. Seria muito bom voltar a atuar – afirmou Douglas.

Douglas  (centro) briga por uma vaga entre os titulares do time de Dorival Júnior (Foto: Érico Leonan / saopaulofc.net)

Douglas (centro) briga por uma vaga entre os titulares do time de Dorival Júnior (Foto: Érico Leonan / saopaulofc.net)

Com seis jogos na temporada, todos sob o comando de Rogério Ceni, Douglas agora espera a primeira chance com Dorival. Após a saída de Lucão, o elenco ficou com seis defensores.

– Pelo fato de não ter atuado com o Dorival, acabo ficando em uma situação não tão vantajosa. Mas essa é uma questão muito relativa e tudo pode mudar de um treino para outro ou de um jogo para outro. O Dorival conversou comigo, valorizou a minha determinação nas atividades e me passou que está observando todos do elenco.

Até o duelo com a Ponte, no outro sábado, Douglas, Aderllan, Lugano e Bruno Alves terão uma semana e meia de treinos para ganhar a preferência de Dorival. O São Paulo é o 19º colocado do Campeonato Brasileiro, com 23 pontos.