“Campeão” do turno, São Paulo de Aguirre supera campanha do tri nacional

2351

FONTE: UOL

O São Paulo venceu mais uma partida no Campeonato Brasileiro e garantiu a liderança da competição ao fim do primeiro turno. De quebra, o time do técnico Diego Aguirre superou a campanha do clube nos anos do tri nacional seguido ao derrotar a Chapecoense por 2 a 0 na noite deste domingo, com gol de Shaylon.

A equipe são-paulina soma 41 pontos na tabela do Brasileirão, com três pontos de vantagem sobre o Inter, segundo colocado. Em 2006, o São Paulo de Muricy Ramalho fechou o turno inicial com 38 pontos. No ano seguinte, alcançou a marca de 39 pontos – nas duas oportunidades, a equipe também era líder.

No terceiro título consecutivo do Brasileirão, os são-paulinos ocupavam a quarta posição, com 33 pontos. Numa campanha de recuperação, o futuro campeão conseguiu garantir 42 pontos no segundo turno para dar mais uma vez a volta olímpica.

O título simbólico do primeiro turno também costuma indicar o time campeão nacional. Desde que o Brasileirão passou a ser disputado por 20 times, em 2006, nove líderes ao fim das 19 primeiras rodadas conseguiram garantir o título na segunda metade do campeonato (veja lista abaixo).

Somente três equipes não mantiveram a ponta da tabela: Grêmio, em 2008, que somou 41 pontos no primeiro turno, Inter, em 2009, 39 pontos nos 19 jogos iniciais, e Atlético-MG, que perdeu o título para o Fluminense mesmo com 43 pontos na primeira metade da competição.

Pontuação dos líderes do Brasileirão ao fim do 1º turno

2006: São Paulo 38 pontos
2007: São Paulo 39 pontos
2008: Grêmio 41 pontos (São Paulo 33)
2009: Inter 39 pontos
2010: Fluminense 38 pontos
2011: Corinthians 37 pontos
2012: Atlético-MG 43 pontos
2013: Cruzeiro 40 pontos
2014: Cruzeiro 43 pontos
2015: Corinthians 40 pontos
2016: Palmeiras 36 pontos
2017: Corinthians 47 pontos
2018: São Paulo 41 pontos