Mancini analisa derrota no clássico: ‘O São Paulo tem autoestima baixa’

724

LANCE

Técnico interino atribuiu a derrota por 2 a 1 para o Corinthians, em jogo recheado de lances polêmicos a um ‘desequilíbrio mental’ do time dos jogadores do Tricolor

Vagner Mancini

(Foto: Bruno Ulivieri/O Fotográfico/Lancepress!)

O São Paulo deixou a Arena Corinthians, neste domingo, com mais uma derrota para o Timão no currículo. Com uma atuação que deixou a desejar, o Tricolor perdeu, por 2 a 1, em um jogo muito pegado e recheado de lances polêmicos para ambos os lados. Após a partida, o técnico interino Vagner Mancini, analisou o desempenho do time sob o seu comando pela primeira vez e atribuiu a derrota a fatores emocionais do elenco.

– É difícil falar de técnica e acho que hoje faltou isso, difícil falar quando há o desequilíbrio mental. O atleta não rende o máximo se tiver problema mental e o São Paulo está com autoestima baixa em campo. Temos que atacar nesse fato. Oscilar dentro do jogo te leva a crer que não é parte física nem técnica, não há boa finalização ou bom passe depois de uma boa jogada. Enxergo o São Paulo muito abaixo do que pode render. Muito abaixo. E esse é um sentimento que nos deixa chateados, mas temos que reagir. Se não enxergarmos dessa forma, tudo fica mais difícil. São dois jogos agora com a semana inteira, acho importante dar ao jogador a confiança de um bom trabalho – disse Mancini.

Sobre o jogo, o técnico não quis culpar a arbitragem polêmica pelo resultado negativo. 

– Eu acho que o desempenho do São Paulo, está muito abaixo do que uma equipe do porte do São Paulo deveria jogar. A arbitragem foi polêmica, alguns lances foram interpretados de forma que gerou discussão de ambos os lados. Não podemos jogar culpa na arbitragem, mas principalmente no lance do gol do Corinthians a bola sai antes do escanteio. São lances que chamam atenção, ainda mais num clássico – completou. 

Vagner Mancini assumiu o cargo de treinador do São Paulo interinamente após a saída de André Jardine, demitido no meio da semana em decorrência da eliminação na Libertadores. Ele vai comandar o time até que Cuca, titular do cargo, termine de se recuperar de uma cirurgia no coração. 

O São Paulo está em segundo lugar no Grupo D, com nove pontos, e pode ser superado pelo Oeste, que enfrenta o São Bento, nesta segunda-feira, em Barueri.