São Paulo só empata com o Talleres e está eliminado da Libertadores

97

GloboEsporte.com

Tricolor joga muito mal novamente e não consegue devolver a derrota por 2 a 0 sofrida na Argentina. Crise deve culminar na saída do técnico André Jardine .

RESUMÃO

  • O Jogo
  • Muito mal…O São Paulo está eliminado da Copa Libertadores de 2019. Depois de perder por 2 a 0 na Argentina, o Tricolor voltou a jogar mal e não passou de um empate sem gols com o Talleres, nesta quarta-feira, no Morumbi. A eliminação logo no primeiro mata-mata do torneio, o principal foco do clube na temporada, deixa o técnico André Jardine bastante ameaçado no cargo. A tendência é de que ele seja demitido nos próximos dias. Mergulhada na crise, a equipe faz o clássico contra o Corinthians, domingo, em Itaquera, pelo Paulistão .

Melhores momentos: São Paulo 0 x 0 Talleres pela 2ª fase da Taça Libertadores.

Mais uma péssima atuação

O São Paulo novamente decepcionou em seu rendimento. O time correu bastante, mas outra vez jogou muito mal. A desorganização assustou, principalmente na criação. As promessas de André Jardine para um futebol moderno, de marcação ofensiva e muita intensidade, não foram vistos. Hernanes, como segundo volante, não funcionou. Apenas Helinho teve algum destaque e, mesmo assim, foi substituído no segundo tempo.

Hernanes teve atuação discreta contra o Talleres

Hernanes teve atuação discreta contra o Talleres (Foto: Marcos Ribolli)

Primeiro tempo

O São Paulo mostrou muita vontade no início do jogo, mas demorou a assustar o Talleres. Mesmo com Hernanes mais recuado, teoricamente para dar qualidade à saída de bola, o Tricolor exagerou nas ligações diretas para o ataque. Quando tentou tocar, o time repetiu a lentidão dos últimos jogos, não teve aproximação e facilitou a marcação, principalmente sobre o Profeta. Sem qualquer organização, a equipe de Jardine se dividiu entre atacantes e defensores, como se o meio de campo não existisse. Na única chance, Diego Souza apareceu livre na área após cruzamento de Helinho e cabeceou para fora.

Pablo tenta passar pela marcação do Talleres

Pablo tenta passar pela marcação do Talleres (Foto: Marcos Ribolli)

Segundo tempo

O São Paulo teve uma sutil melhora no retorno do intervalo. Nada, porém, que animasse a torcida. Ao contrário, com o passar do tempo, as vaias e os pedidos por Muricy Ramalho reapareceram. Jardine colaborou ao tirar Helinho, o “menos pior” do ataque. Nenê entrou na vaga, mas em nada melhorou o desempenho do time. Para piorar, Everton foi expulso ao acertar uma solada no rosto de Enzo Díaz. Os minutos finais foram de desespero total. Nenê chegou a marcar aos 38, mas o árbitro anulou acertadamente ao marcar impedimento.

Everton finaliza para fora no segundo tempo

Everton finaliza para fora no segundo tempo (Foto: Marcos Ribolli)

Atuações

Jogadores do São Paulo contra o Talleres

Jogadores do São Paulo contra o Talleres (Foto: Marcos Ribolli)

Outro vexame

O São Paulo acumula a terceira eliminação seguida para clubes pequenos da Argentina. As outras duas foram pela Copa Sul-Americana. Em 2017, com Rogério Ceni como técnico, o Tricolor caiu diante do Defensa y Justicia, na primeira fase. Em 2018, com Aguirre, a equipe foi batida pelo Colón, na segunda fase.

Poucos gols

O histórico recente já indicava que a missão do São Paulo seria complicada. Nos últimos cinco jogos antes de enfrentar o Talleres no Morumbi, o Tricolor só havia feito um gol, na vitória por 1 a 0 sobre o São Bento, no Pacaembu, pelo Paulistão. O time passou em branco contra Ponte Preta, Talleres, Guarani e Santos.

André Jardine na partida contra o Talleres

André Jardine na partida contra o Talleres (Foto: Marcos Ribolli)

Torcida protesta no Morumbi

Os protestos da torcida do São Paulo começaram ainda com a bola rolando no Morumbi, no meio do segundo tempo. O presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, que deixou seu camarote no Morumbi antes do fim da partida, foi o principal alvo da ira dos torcedores são-paulinos.

Torcida do São Paulo contra o Talleres

Torcida do São Paulo contra o Talleres (Foto: Marcos Ribolli)