Mancini vê injustiça em derrota do São Paulo e culpa falta de confiança

311

GazetaEsportiva.net

José Victor Ligero

Resultado de imagem para mancini spfc

Vagner Mancini viu um São Paulo sem confiança na derrota por 1 a 0 para o Palmeiras, neste sábado, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista. Em entrevista coletiva, o técnico interino elogiou a atuação no primeiro tempo, mas disse que o time reagiu mal após a saída de Hernanes e o gol do rival.

“O São Paulo foi muito bem no primeiro tempo, marcou de perto, não deu espaços ao Palmeiras, finalizou mais. Na segunda etapa, quando o Palmeiras volta com uma substituição, o jogo ficou equilibrado até a saída do Hernanes. Nosso time acaba caindo de produção e, após a marcação do gol, perde a confiança totalmente”, avaliou.

Hernanes foi substituído por Brenner aos 25 minutos do segundo tempo por dores na perna esquerda. Aos 34, em uma pancada disparada de fora da área, Carlos Eduardo não deu chances de defesa ao goleiro Tiago Volpi e marcou o único gol do clássico.

“Até quando teve força para marcar de perto, o time foi bem. Quando caiu nesse quesito, a gente viu o Palmeiras equilibrar a partida e fazer um gol de extrema felicidade. Sinceramente, o São Paulo não merecia perder a partida, embora a gente reconheça o poderio do adversário. O São Paulo teve uma postura digna de uma equipe que queria vencer”, declarou.

Por fim, Mancini deu razão às vaias do torcedor e disse que espera fazer o time evoluir até quarta-feira, quando enfrenta o São Caetano pela última rodada da primeira fase. No momento, o São Paulo ocupa o segundo lugar do Grupo D, com 14 pontos, três a menos que o Ituano e dois a mais que o Oeste.

“O torcedor fica chateado com razão. Na quarta-feira temos uma partida contra uma equipe que briga contra o rebaixamento, temos de provar que somos capazes de classificar e mostrar evolução. O São Paulo vem evoluindo em alguns aspectos e peca em outros. Isso gera falta de confiança”, concluiu.

1 COMENTÁRIO