São Paulo abre sequência decisiva ainda em busca de padrão de jogo

187

UOL

Arthur Sandes e José Eduardo Martins

O São Paulo abre às 21h30 (de Brasília) de hoje uma sequência que pode definir o seu rumo na temporada: recebe o Goiás no Morumbi três dias antes de visitar o líder Flamengo no Maracanã. Mesmo o Brasileirão sendo em pontos corridos, são jogos de “tudo ou nada” na temporada para o clube se o pensamento ainda for o título. No melhor dos cenários, a desvantagem para o primeiro colocado poderia cair a quatro pontos. No outro extremo, essa diferença poderia subir até 16.

O problema é que, mesmo encarando esse trecho decisivo no final de setembro, o técnico Cuca ainda busca um padrão de jogo para sua equipe. Aliada à queda de rendimento recente, essa indefinição de rumo do time é o fator que desperta mais críticas ao treinador entre torcedores e conselheiros. No momento não há movimentações de bastidor para que o clube busque um substituto, de qualquer forma.

O treinador não teve o elenco inteiro à disposição uma vez sequer desde o início do torneio, seja por causa de lesões, suspensões ou convocações da seleção brasileira. Desta vez Cuca não pode escalar Hernanes, que está suspenso por acúmulo de cartões amarelos, nem Alexandre Pato, que tem estiramento na coxa direita. Anderson Martins e Raniel são dúvidas. Os dois não foram para o gramado no treino de ontem (24), no CT da Barra Funda. O zagueiro sofreu entorse no tornozelo durante a atividade de segunda-feira, enquanto o atacante tem dores no joelho. Os dois ficaram no Reffis para trabalho regenerativo.

Cuca também viu o elenco se modificar por causa do mercado da bola no decorrer desta temporada. Considerados dois dos principais reforços neste ano, Daniel Alves e Juanfran chegaram já em agosto, há pouco mais de um mês. Por outro lado, jogadores que não eram tão utilizados, como Willian Farias e Everton Felipe, foram negociados.

Tais mudanças podem ajudar a explicar a falta de padrão da equipe, que na vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo mudou até mesmo o seu sistema tático e começou com três zagueiros. Talvez até como consequência destas alterações, o desempenho do São Paulo tem sido bastante irregular, e o próprio elenco já é bastante reticente quanto às chances de título no Brasileirão. A expectativa do departamento de futebol é de que essa história possa começar a mudar hoje, antes de um confronto com o líder.

Ficha técnica Data: 25 de setembro de 2019 Horário: 21h30 (de Brasília) Local: Morumbi, em São Paulo (SP) Competição: Campeonato Brasileiro, 21ª rodada Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ) Assistentes: Luiz Cláudio Regazone e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (ambos do RJ) VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ) São Paulo: Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan (Liziero), Tchê Tchê e Daniel Alves; Antony (Igor Gomes ou Everton), Toró e Pablo. Técnico: Cuca Goiás: Tadeu; Yago Rocha, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson; Gilberto, Léo Sena e Yago Felipe; Michael, Leandro Barcia e Kayke. Técnico: Ney Franco.