Sem espaço no São Paulo, Hudson marcou contra o Botafogo no primeiro turno

244

GazetaEsportiva

São Paulo visita o Botafogo, neste sábado, às 11h, em partida válida pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. A escalação do Tricolor ainda é uma incógnita, porém é pouco provável que Hudson esteja entre os titulares no Rio de Janeiro. No jogo entre a equipe do Morumbi e o Glorioso no primeiro turno, o volante marcou um gol e foi importante na vitória por 2 a 0.

No dia 27 de abril, São Paulo e Botafogo se enfrentaram no Morumbi, na primeira partida do Brasileirão de ambas as equipes. O Tricolor abriu o placar na etapa inicial com Everton de cabeça e, no segundo tempo, Hudson vez o segundo. Após bela jogada de Tchê Tchê pela esquerda, Hernanes ajeitou e o camisa 25 chutou rasteiro, no canto esquerdo de Gatito.

Hudson foi titular na equipe de Cuca da primeira à décima rodada do Campeonato Brasileiro, ora como lateral ora como volante. Desde então, o volante perdeu espaço e só começou jogando no confronto contra o Internacional, no Beira-Rio. O jogador teve uma atuação infeliz, tendo cometido o pênalti que garantiu a vitória ao Colorado.

Após a partida contra a Chapecoense, quando Hudson passou a ser reserva, Cuca afirmou que o jogador havia lhe pedido para atuar apenas como volante, deixando de ser improvisado na lateral-direita. O treinador disse que o camisa 25 manifestou a vontade de não ser efetivado em outra posição neste momento de sua carreira.

Aos 31 anos, Hudson tem 190 jogos pelo São Paulo, com seis gols marcados. O volante está na equipe desde 2014, porém passou a temporada de 2017 emprestado ao Cruzeiro, sendo um dos destaques do time mineiro na conquista da Copa do Brasil daquele ano.

No momento, o São Paulo ocupa a sexta posição do Campeonato Brasileiro, com 32 pontos somados.