Diniz exalta indicação dos líderes no São Paulo: “Minha vida é dedicada aos jogadores”

316

GazetaEsportiva

Marcelo Baseggio

Diniz assumiu o comando técnico do São Paulo na semana passada (Foto: Rubens Chiri/SPFC)

Após surgir para o futebol nacional ao comandar o Audax vice-campeão paulista de 2016 e ter passagens frustradas por Athletico Paranaense e Fluminense, Fernando Diniz recebeu sua grande oportunidade como treinador na última quinta-feira, quando, a pedido de jogadores do São Paulo, foi contratado para substituir Cuca no comando do clube.

O técnico, inclusive, não escondeu a importância da indicação de líderes do elenco tricolor, entre eles Daniel Alves, para a sua chegada. “Ajuda de maneira muito forte. Para mim foi um grande presente que a vida está me dando”, disse Diniz em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva durante o lançamento do livro “O Grito do Pinguim”, do jornalista Flávio Prado.

“Eu sempre falo que a minha vida é uma dedicação para os jogadores. Eu sou um prestador de serviço para os jogadores desde quando eu comecei minha carreira no Votoraty, e eles sabem disso. Essa resposta que eu tive de tanta plantação na minha vida é muito recompensadora, porque vai passando de boca a boca”, completou.

Formado em psicologia, Diniz é um estudioso da área e do que o treinador pode fazer pelo jogador na questão sentimental, tanto é que seu TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) tinha como tema a importância do técnico.“Jogadores são seres muito sensíveis, que precisam de ajuda, compreensão e acolhimento, e de gente que se preocupem com eles e se dediquem de fato, de todo coração, para eles. Então para mim foi um grande prêmio mesmo. Estou muito feliz por estar no São Paulo e por ter chegado dessa maneira”, finalizou.

Depois de estrear no empate com o Flamengo, Fernando Diniz tem uma semana cheia para trabalhar suas ideias de jogo com o elenco do São Paulo, já que o próximo compromisso da equipe é diante do Fortaleza, neste sábado, às 17 horas (de Brasília), no Pacaembu, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.