SPFC deve ter “cara de Diniz” pela 1ª vez contra Ceni após semana de treino

1346

UOL

Arthur Sandes e José Eduardo Martins

Ainda é cedo para esperar grandes mudanças, mas amanhã (5) o São Paulo deve ter sinais mais claros do trabalho de Fernando Diniz. O treinador assumiu há uma semana, disputou um jogo às pressas e só nos últimos dias pôde treinar o elenco com um pouco mais de calma. Contra o Fortaleza, de Rogério Ceni, no Pacaembu, o Tricolor deve mostrar novidades.

Nos ensaios abertos desta semana, Diniz concentrou esforços na saída de bola do São Paulo. Treinou o time como um todo, depois por setores, sempre cobrando passes rápidos e movimentação para abrir espaços e fugir de uma possível pressão adversária. Foi comunicativo e explicativo o tempo inteiro, dando exemplos práticos de como queria os passes, a aproximação dos jogadores e a saída para o ataque em velocidade.

A expectativa para este sábado é que o São Paulo comece a se identificar como time de Fernando Diniz, ainda que seja apenas a primeira semana de trabalho do técnico. A equipe tende a valorizar mais a posse de bola e diminuir a pressa para atacar, duas mudanças em relação ao modelo estabelecido por Cuca até a semana passada.

No último sábado, o São Paulo abandonou a ideia de trocar passes curtos no próprio campo à medida que o Flamengo ameaçava roubar a bola. De modo geral o time não teve grandes mudanças em relação à ‘era Cuca’, o que foi natural, pois Diniz só teve tempo de dar um único treinamento. Mas o empate por 0 a 0 no Maracanã foi usado como exemplo pelo treinador.

Em um exercício de saída de bola, na última terça-feira (1º), Fernando Diniz ajustou diversas vezes o posicionamento e a movimentação coletiva da equipe. Em um desses momentos, ensaiou a pressão de um adversário que marcasse ferozmente no campo de ataque. “Se o Gabigol estiver marcando você, e o Arrascaeta estiver ali, o outro lado fica livre. Sempre tem alguém desmarcado”, chegou a dizer, referindo-se ao Flamengo. Às 17 horas (de Brasília) de amanhã, o São Paulo enfrenta o Fortaleza pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor soma 36 pontos, na sétima colocação, e tenta voltar a figurar na zona de classificação para a próxima Copa Libertadores.