Diniz defende Volpi após falha: “Temos um dos melhores goleiros do Brasil”

4

Tiago Volpi errou no lance do segundo gol do Santos, ontem (12), na Vila Belmiro, mas recebeu respaldo do técnico Fernando Diniz após o empate por 2 a 2. Considerado um dos melhores do Brasil na posição, o goleiro do São Paulo foi mais um motivo para que o treinador fizesse críticas às análises no Brasil, segundo ele sempre com viés negativo. O gol marcado por Marinho surgiu de uma falta de longa distância, em que Volpi preferiu inverter o lado do barreira e deixou um caminho aberto para o camisa 11 santista. O chute saiu forte e com curva, mas ainda assim próximo do centro da meta.

“(Inverter a barreira) Foi a alternativa que ele teve. E é isso que vale no momento. As pessoas vão questionar, mas temos um dos melhores goleiros do Brasil, com toda certeza. Já nos salvou antes, talvez tenha sido infeliz, mas não temos de ficar na falha. Eu ainda não vi o lance de longe. O que fica, para mim, é que ele é uma das grandes lideranças do elenco, um dos que mais trabalham no clube, se não for quem mais trabalha. Quando chegar nos momentos mais agudos, ele vai nos proteger, que é o que ele faz de melhor”, analisou.

Há quase dois anos no São Paulo, Volpi é um dos principais jogadores do elenco e titular até hoje incontestável. Ele vem, contudo, de erros em dois clássicos seguidos, já que também falhou no gol de Ramiro, na vitória por 2 a 1 sobre o Corinthians, no último dia 30. “Não vão falar da defesa difícil que o Volpi, o milagre na bola para trás do Luciano. Como falaram da falha do Cássio, quando errou contra o São Paulo. Fica sempre no negativo”, reclamou Diniz.

Com 18 pontos em dez jogos, o São Paulo é o vice-líder do Campeonato Brasileiro, a dois pontos do líder Internacional, que ainda vai jogar na rodada. O próximo confronto da equipe será pela Copa Libertadores: quinta-feira (17), contra o River Plate, às 19h, no estádio do Morumbi.

Publicidade

Leia também: