Ricardo Rocha: “São Paulo precisa pensar em uma reformulação”

460

Do UOL, em São Paulo

Sem títulos desde 2012, o São Paulo viveu mais uma temporada sob pressão. As seguidas eliminações (Paulista, Libertadores, Copa Sul-Americana e Copa do Brasil), além da queda vertiginosa de produção no Brasileirão deixam em dúvida a capacidade do clube reagir em 2021. Afinal, do que o Tricolor mais precisa para evitar outra série de vexames na temporada?

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte —com os jornalistas Luiza Oliveira, Menon, Ricardo Rocha e Danilo Lavieri— foi discutido o que o São Paulo precisa fazer para não repetir outra temporada de decepções para seu torcedor. Na opinião dos comentaristas, será necessária uma reformulação, mas que esbarra em algumas dificuldades.

Ricardo Rocha cita um rival para explicar como o clube paulista pode dar a volta por cima. “O São Paulo precisa melhorar e pensar em uma reformulação. Em algumas situações, colocar a garotada, mesmo que perca alguns jogos. O Inter fez isso. O São Paulo precisa reagir. É muito vergonhoso o que se viu hoje contra um Botafogo esfacelado”, disse, lembrando a derrota por 1 a 0 nesta segunda-feira (22) para o lanterna do Brasileirão e já rebaixado para a Série B.

“A questão financeira é um obstáculo gigante pra fazer reformulação. Quem se reestruturou e melhorou administrativamente brigou por título, como Palmeiras, Flamengo, Grêmio. O Santos foi uma exceção por conta do trabalho do Cuca. O São Paulo está do jeito que está como resultado de erros de outras gestões. Virou uma máquina de moer técnico. Não adianta trocar treinador enquanto não mudar o pensamento. Para não precisar vender o Brenner quando ainda tinha chance de título”, opinou Lavieri.

Para Menon, o São Paulo precisa de mudanças no elenco. “Em termos de contratação, tem que procurar jogadores que estão de graça, terminando contrato, como Bruno Rodrigues [atacante, ex-Ponte Preta]. Que deem amplitude e profundidade ao elenco. Precisa de um volante que tenha boa saída de bola. Acho que falta mais um centroavante bom”, listou.

Ricardo Rocha acredita que o São Paulo precisa, antes de ir ao mercado, acertar o time em campo —trabalho para Crespo, novo treinador do time. “O São Paulo tem bons jogadores e não tem dinheiro para contratar. Não tem que sair atirando. Bota essa garotada para jogar. O que me assusta mais é a parte tática. Quem não cumprir o que for pedido, sai do time”, analisou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor entre com seu comentário!
Entre seu nome aqui

17 + treze =