São Paulo freia mudanças no elenco à espera de novo treinador

158

GloboEsporte

Clube deve sacramentar chegada de profissional nesta semana; argentino Crespo é favorito.

O São Paulo freou o planejamento para a próxima temporada à espera da confirmação de seu novo treinador. O clube deve concretizar a chegada do substituto de Fernando Diniz nesta semana e tem uma lista com três nomes: o português Pedro Martins, o espanhol Miguel Ángel Ramírez e o argentino Hernán Crespo – esse último o mais próximo de um acordo.

Por causa da longa paralisação dos torneios no ano passado, consequência da pandemia de Covid-19, neste ano apenas três dias vão separar o fim de uma temporada e o início de outra: o Brasileiro termina no dia 25 de fevereiro, enquanto o Paulista começa no dia 28.

Publicidade

Há a expectativa de mudanças no elenco do São Paulo. A nova diretoria, que assumiu em janeiro, prega austeridade financeira num clube atolado em dívidas – e com um grupo de jogadores com folha salarial estimada em R$ 12 milhões.

Julio Casares, presidente do São Paulo, negocia a chegada de novo treinador — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Julio Casares, presidente do São Paulo, negocia a chegada de novo treinador — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Mas o clube quer que o próximo treinador participe do processo. Ele também participará da análise de dispensas, renovações e a possível reintegração de jogadores que estão emprestados.

A venda de Brenner, na semana passada, é citada com um episódio atípico. A diretoria entendeu que o valor oferecido pelo FC Cincinnati, US$ 15 milhões (cerca de R$ 80 milhões), além de mais US$ 2 milhões condicionados a bônus, era alto o suficiente para que o negócio fosse finalizado – pesou, claro, a necessidade de ter dinheiro em caixa para pagar dívidas, compromissos e também investir neste início de temporada.

Há outras situações, como as renovações do lateral Juanfran e do meia Joao Rojas, cujos contratos terminam neste mês, e ainda Gonzalo Carneiro, com vínculo até março (dificilmente o uruguaio permanecerá no Morumbi).

O mais provável é que o São Paulo finalize o processo de contratação do novo treinador até o fim desta semana. Nos últimos dias, a diretoria desacelerou após uma semana em que entrevistou cerca de uma dezena de candidatos – a ordem era não tirar o foco do jogo desta quarta-feira, contra o Ceará, no Morumbi, que pode manter o time na disputa pelo título brasileiro.

Crespo é o técnico mais perto do São Paulo, atualmente. Campeão da Sul-Americana, ele está livre após se demitir do Defensa y Justicia. Os outros dois analisados têm situações mais complicadas: Ramírez tem pré-acordo com o Internacional, e Martins, além do salário alto, planeja trabalhar na Inglaterra.

LEIA TAMBÉM: