São Paulo faz consulta a Miranda, mas vê salário como entrave para contratação

113

GloboEsporte

Eduardo Rodrigues

Jiangsu Suning, ex-clube do zagueiro, encerrou as atividades no último domingo e jogadores ficaram sem contrato.

O São Paulo fez uma consulta sobre a situação do zagueiro Miranda, mas a proposta salarial pedida pelo jogador está fora da realidade do clube neste momento. As negociações podem ser retomadas se houver uma redução nos valores.

Publicidade

Miranda está livre no mercado após o Jiangsu Suning, atual campeão chinês e ex-clube do zagueiro, encerrar atividades no último domingo. Principal acionista do clube e da Internazionale, da Itália, a empresa multinacional que dá o sobrenome ao clube da cidade Nanquim tinha anunciado no início do mês que estava colocando à venda a equipe, mas não encontrou um comprador.

Com isso, Miranda pode assinar com qualquer clube, mas o salário e as luvas pedidas pelo jogador e seus representantes são um entrave para o Tricolor, que tem uma dívida de aproximadamente R$ 600 milhões.

Miranda em treino da seleção brasileira São Paulo — Foto: Pedro Martins/MoWA Press

Miranda em treino da seleção brasileira São Paulo — Foto: Pedro Martins/MoWA Press

O zagueiro é um desejo antigo do São Paulo e do torcedor são-paulino. Aos 36 anos, Miranda nunca escondeu o carinho pelo clube e, inclusive, fez diversas visitas do Tricolor durante as suas férias quando jogava no exterior.

Tricampeão brasileiro com o São Paulo (2006, 2007 e 2008), Miranda foi negociado com o Atlético de Madrid em 2011. Em 2015, foi contratado pela Inter de Milão, onde ficou até 2019 antes de se transferir para o Jiangsu Suning.

A contratação de um zagueiro é uma das prioridades do São Paulo para esta temporada. Sem um acordo com Miranda, o clube negociou com Kanu, do Botafogo. Houve um acerto entre as partes, mas em uma reunião na semana passada os cariocas recuaram e desistiram da venda.

Com as dificuldades financeiras vividas, o Tricolor busca no mercado jogadores em ascensão que podem dar um bom retorno técnico imediato e que possam se valorizar. Um exemplo é o atacante Bruno Rodrigues, de 23 anos, e única contratação da temporada até aqui.

Para a zaga, o técnico Hernán Crespo tem à disposição Arboleda, Bruno Alves, Diego Costa, Léo e Rodrigo Freitas. Walce, lesionado, pode ser uma opção na sequência da temporada.

APROVEITE E LEIA TAMBÉM:

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor entre com seu comentário!
Entre seu nome aqui

20 − onze =