Miranda lidera em desarmes e lançamentos entre todos os jogadores da Libertadores

81

GazetaEsportiva

A boa atuação de Miranda contra o Racing foi fundamental para a classificação do São Paulo. Além de contribuir para dar consistência defensiva, o zagueiro foi o responsável pela construção da jogada do primeiro gol tricolor, quando desarmou o atacante do time argentino e lançou para Marquinhos, que acabou finalizando na trave, mas Rigoni apareceu e mandou para as redes.

E são justamente nesses quesitos que Miranda tem se destacado na Libertadores. Segundo o Footstats, o defensor possui a melhor média de desarmes por jogo (4,0) e melhor acerto de lançamentos (82%) entre todos os jogadores da competição continental.

O zagueiro de 36 anos também se sobressai nos passes curtos realizados no torneio. Ele acertou 125 de 127 toques para companheiros, o que representa um aproveitamento de 98,4%.

Publicidade

Também de acordo com o Footstats, Miranda deu seis desarmes, cinco lançamentos certos e seis rebatidas no jogo contra o Racing. Além disso, acertou 18 passes e cometeu apenas uma falta.

O desempenho mostra como o defensor vem sendo importante para o São Paulo na temporada. Diagnosticado com uma mialgia na panturrilha esquerda, o departamento médico correu contra o tempo para deixá-lo com condições de jogo para enfrentar o Racing. E o esforço foi recompensado dentro de campo.

Após passagem entre 2006 e 2011, Miranda voltou ao Tricolor em março deste ano. Ele disputou 17 partidas na atual campanha e possui um gol marcado. Seu contrato se estende até o final de 2022.

1 COMENTÁRIO