Ainda sem Calleri, São Paulo vive fase ruim no ataque antes de mata-mata contra o Fortaleza

77

GloboEsporte

José Edgar de Matos

Time tem o terceiro pior setor ofensivo no Brasileirão, com apenas 16 gols em 19 jogos.

Para facilitar o avanço à semifinal da Copa do Brasil, o ataque do São Paulo precisa urgentemente melhorar de desempenho. Às vésperas do confronto diante do Fortaleza, pelas quartas de final, o Tricolor paulista apresenta números ruins e ainda não poderá contar com o principal reforço para o setor, o argentino Jonathan Calleri.

Publicidade

Após o empate por 2 a 2 no jogo de ida das quartas, no Morumbi, o São Paulo vai precisar de ao menos um gol nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), na Arena Castelão, para vencer e avançar de fase. Nova igualdade leva a decisão para os pênaltis.

Apresentado na semana passada, o centroavante não poderá reforçar o time na competição em virtude do prazo de inscrição para a Copa do Brasil. Calleri chegou depois do fim desta janela e só poderá ajudar o São Paulo no Brasileirão, competição na qual o time sofre ofensivamente.

O Tricolor é apenas o 16º colocado na competição e ocupa a primeira posição fora da zona de rebaixamento. Muito desta campanha ruim se deve ao ataque ineficiente: o São Paulo possui o terceiro pior setor ofensivo da competição.

Crespo e sua comissão comandam treino no São Paulo — Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Crespo e sua comissão comandam treino no São Paulo — Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Em 19 partidas, o São Paulo anotou 16 gols, número semelhante ao do Atlético-GO e superior apenas a Grêmio (14) e Sport (8), dois times que justamente se encontram na zona mais indesejada da tabela de classificação após um turno.

No Brasileirão, Pablo se destaca como artilheiro com três gols. Reinaldo, Rigoni e Igor Gomes, com dois, aparecem logo atrás. Dos 19 jogos na competição, em sete a equipe passou sem balançar a rede adversária. Situação preocupante antes de mais um mata-mata decisivo, ainda mais sem a possibilidade de contar com Calleri.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.

Aos 14 min do 2º tempo – gol de pênalti de Reinaldo do São Paulo contra o Fluminense

Na temporada, Pablo também ocupa a artilharia são-paulina com 13 gols, enquanto Rigoni ocupa a segunda posição no quesito com nove. O argentino se destaca mesmo com o pequeno período no clube – o camisa 77 foi apresentado no fim de maio.

Para o confronto diante do Fortaleza, o São Paulo inclusive deve contar com o retorno de Rigoni ao time titular. O argentino, que trabalhou com ênfase na parte física na semana passada, ficou no banco de reservas no Maracanã e atuou somente 11 minutos diante do Fluminense.

Rigoni pode retornar ao time titular diante do Fortaleza — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Rigoni pode retornar ao time titular diante do Fortaleza — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Crespo vai encaminhar o time titular no treinamento desta terça-feira. O São Paulo trabalha a partir das 10h30 (de Brasília) no CT da Barra Funda e viaja no período da tarde para Fortaleza.

Leia também