Benítez recebe 2 jogos de gancho após expulsão contra o Athletico-PR

30

GazetaEsportiva

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou nesta terça-feira o caso de Martín Benítez, do São Paulo. O meia tricolor terá de cumprir dois jogos de suspensão após ter sido expulso na 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada. A defesa do São Paulo ainda pode recorrer no Pleno do STJD.

Na ocasião, Benítez, que aquecia atrás de um dos gols do estádio, recebeu cartão vermelho por ter chutado uma bola para dentro do campo enquanto o Athletico-PR se preparava para cobrar escanteio no intuito de atrasar a jogada e fazer os minutos passarem, já que o São Paulo vencia a partida por 2 a 1.

O defesa do São Paulo alegou que o cartão vermelho foi erroneamente aplicado pelo árbitro Jean Pierre, uma vez que as regras do jogo não permitem que um atleta reserva seja expulso por tentativa de retardar o reinício da partida. Neste caso, o atleta deveria receber cartão amarelo.

Publicidade

O STJD, por sua vez, alegou que o que foi julgado não foi aplicabilidade do cartão, mas, sim, a infração disciplinar de Benítez após ter sido expulso, uma vez que invadiu o campo e ficou por alguns minutos questionando o árbitro, forçado a dar 12 minutos de acréscimo no segundo tempo, muito graças ao meia são-paulino.

LEIA TAMBÉM: