Análise: vitória sobre Jorge Wilstermann dá margem para Ceni rodar elenco e reergue Nestor

32

GazetaEsportiva

O São Paulo derrotou o Jorge Wilstermann por 3 a 0 na noite desta quinta-feira, em casa, pela quinta rodada da Sul-Americana. Com o resultado, o Tricolor já garantiu uma vaga na próxima fase do torneio. E isso cai como uma luva para o planejamento do técnico Rogério Ceni.

Com o triunfo, o comandante ganha uma margem no calendário para voltar a rodar o seu elenco, assim como fez diante dos bolivianos. Na próxima quarta-feira, às 19h15 (de Brasília), o clube paulista apenas cumpre tabela diante do Ayacucho, no Morumbi.

A oportunidade de poupar os titulares é crucial para o São Paulo, que divide as suas atenções com o Campeonato Brasileiro. O time está brigando pela ponta do torneio e tem um clássico contra o líder Corinthians marcado para este domingo, às 16 horas, na Neo Química Arena.

Publicidade

Além disso, o duelo contra o Wilstermann foi uma chance de ouro para alguns jogadores mostrarem o seu valor. Quem mais aproveitou a chance foi Rodrigo Nestor. O garoto, que caiu de rendimento após sofrer uma lesão no tornozelo, voltou a ser crucial para a equipe de Ceni.

O volante anotou dois gols em 16 minutos e, com isso, deu uma enorme tranquilidade para o Tricolor. Além disso, segundo dados do Footstats, ele somou uma assistência, uma interceptação, acertou as três finalizações que tentou e deu três passes para chutes.

Outro atleta que foi bem foi o Patrick. Recém-contratado, o meia vinha encontrando dificuldades para se firmar em seu novo clube. Diante dos bolivianos, ele enfim anotou o seu primeiro gol pelo time do Morumbi.

Assim, além de ter poupado seus principais jogadores para o clássico, Rogério Ceni ganha novas armas para tentar acabar com o jejum na casa do Corinthians.

LEIA TAMBÉM: