Apesar de nova tentativa, São Paulo se vê pessimista por Militão

0
393

GazetaEsportiva.net

José Victor Ligero e Tiago Salazar

Com contrato até 11 de janeiro, Militão deve sair no meio deste ano (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

Em dezembro, quando assumiu o departamento de futebol do São Paulo, Raí avisou que a renovação de Éder Militão era uma de suas prioridades como diretor-executivo. Cinco meses depois, o clube segue se esforçando para mantê-lo em seu elenco, mas está cada vez mais pessimista em relação à permanência do jogador, cujo estafe trava a negociação.

Titular absoluto do Tricolor, Militão tem contrato até 11 de janeiro e pode assinar com qualquer outra equipe a partir de julho, portanto. Para não perdê-lo de graça, o clube vem tentando prorrogar o contrato desde o ano passado, mas até agora só ouviu recusas.

A mais nova tentativa ocorreu últimos dias, quando o São Paulo enviou uma proposta aos representantes de Militão, considerada bastante alta pela diretoria. Nela, de acordo com o jornal Lance e confirmada pela Gazeta Esportiva, o clube ofereceu uma extensão de vínculo por mais três temporadas, além de R$ 15 milhões diluídos neste período entre luvas e salários.

Fora isso, ainda abriu espaço para algumas concessões, como não colocar uma multa de rescisão elevada demais para equipes europeias e a cessão de parte dos direitos econômicos do camisa 13. O problema é que os empresários de Militão nem sequer responderam ou fizeram uma contraproposta.

Com este cenário, apesar de publicamente manter o discurso de confiança, o clube do Morumbi sabe que é mais provável que veja em breve o atleta formado em suas categorias de base atuando fora do país, uma vez que equipes da Europa já iniciaram conversas com os responsáveis pela carreira de Militão.

Dentro de campo, o jogador de 20 anos se prepara para o clássico contra o Santos, no próximo domingo, às 16 horas (de Brasília), no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro. Na última segunda-feira, durante a reapresentação do time, fez apenas exercícios regenerativos no Reffis. O elenco está de folga nesta terça e retoma os trabalhos na tarde desta quarta, no CT da Barra Funda.

Comentários

comentários