Carlinhos Neves pede demissão e deixa preparação física do São Paulo

162

GazetaEsportiva.net

José Victor Ligero

Coordenador da preparação física pediu demissão do São Paulo (Foto: Sergio Barzaghi/Gazeta Press)

Carlinhos Neves não trabalha mais para o São Paulo. O coordenador da preparação física pediu demissão depois do empate por 1 a 1 com o Cruzeiro, no último dia 2, mas ambas as partes entraram em acordo para que o desligamento fosse feito apenas na pausa para a Copa América. A informação foi publicada inicialmente pelo Globoesporte.com e confirmada pela Gazeta Esportiva.

A saída do profissional é um indício do processo de reformulação do CT da Barra Funda. No começo do mês, conselheiros da situação enviaram documento ao presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, cobrando mudanças em diversas áreas do departamento de futebol.

O excesso de lesões ocorridas no primeiro semestre foi motivo de questionamentos e críticas por conselheiros e parte da torcida. Em dezembro, Carlinhos Neves foi anunciado como um grande reforço para a comissão técnica e gerou expectativa interna de que o time evoluísse no aspecto físico.

Esta foi a terceira passagem de Carlinhos Neves pelo São Paulo. Antes, ele havia trabalhado para o clube entre 1999 e 2000, e de 2003 a 2010. Participou, portanto, do último período dourado do clube, marcado pelos títulos da Copa Libertadores e Mundial, em 2005, e do tricampeonato brasileiro (2006 a 2008).