Dani Perrone – Telê: Homenagem justa, porém tardia!

133

Em entrevista ao Canal do Nicola, o diretor de marketing do São Paulo, Eduardo Toni, disse que o Tricolor irá inaugurar uma estátua em homenagem ao técnico Telê Santana no portão principal do Estádio do Morumbi. A inauguração, segundo o diretor, está prevista para dia 25, aniversário do clube.

Fico a vontade para falar sobre esse assunto porque desde o início dos anos 2000, quando eu ainda participava do portal SPNet, os torcedores do São Paulo já cobravam essa homenagem e até se mobilizaram para viabilizar junto com o São Paulo e a prefeitura um local nas imediações do Morumbi para um busto ao mestre Telê.

Tele Santana e seus feitos junto ao São Paulo deveriam ser um assunto acima do marketing Tricolor. Essa homenagem deveria estar há muito tempo no Cícero Pompeu de Toledo devido a imensa importância que Telê teve no clube. Posso dizer que o São Paulo era um antes de Telê e é outro depois de sua passagem. É fato que o treinador teve algumas desavenças com o clube e chegou até a processar o São Paulo (com razão) por não pagamento de seus vencimentos após a saída do clube, mas isso não deveria ser assunto para impedir nada.

E mais, aí vai uma opinião pessoal. Telê, acima de qualquer jogador, é o meu maior ídolo no São Paulo Futebol Clube. É a verdadeira personificação do São Paulo que eu conheço e idolatro. Futebol arte com eficiência. Jogo bonito e para frente. Uma Ferrari, segundo Johan Crujiff.

Publicidade

Apesar de tardia, a homenagem será super bem recebida por todos os torcedores são-paulinos e, por que não, amantes do futebol verdadeiramente brasileiro, e não esse que você viu nas últimas Copas do Mundo.