Este é o momento de mudar o São Paulo13

271

Abilio Diniz – UOL

Resultado de imagem para abilio diniz spfc

Neste momento difícil do SPFC, tenho procurado pegar leve nas críticas e ser generoso nas palavras de incentivo ao elenco.

Mas decidi me manifestar porque algo novo começa a surgir no São Paulo. A entrevista de Júlio Casares ao Blog do Alexandre Praetzel, aqui no UOL, é corajosa e me deixou animado.

Publicidade

Júlio é conselheiro de longa data e ativo participante da vida do clube. Seu posicionamento é corajoso porque Júlio faz parte do mesmo grupo político do Leco, o Participação, tendo inclusive sido eleito para presidi-lo no mês passado. Na entrevista (http://blogdopraetzel.blogosfera.uol.com.br/2016/10/14/casares-quer-gestao-radical-e-profissional-no-sp-apos-mau-desempenho/), Júlio analisa com clareza o momento que o São Paulo passa e apoia propostas capazes de tirá-lo da crise, defendendo um choque radical de gestão profissional.

As palavras de Júlio ajudam o são-paulino a entender a situação de nosso clube do coração, apesar das tentativas da atual gestão de esconder seu fracasso.

No final do ano passado, Leco interveio no futebol dizendo que queria modernizar o SPFC. Mas, diante dos fatos e dos resultados, o são-paulino se pergunta: Qual foi a modernização que Leco trouxe? O clube nunca esteve em situação tão ruim e absurda como a atual.

Não adianta culpar jogadores e técnicos. Não adianta tirar Ricardo Gomes e colocar outro. O SPFC está fora dos trilhos, com moral baixa, sem capacidade de gestão. E a culpa é dos cartolas de plantão.

Muita gente diz que o Leco é meu desafeto. Grande engano. Escolho meus desafetos, e entre eles não estão campeões apenas da soberba.

Eu só quero o melhor para o time pelo qual sou apaixonado.

O São Paulo precisa acordar. Conselheiros, sócios, sócios-torcedores, torcedores, que são os verdadeiros donos do clube, precisam conhecer a realidade e se mobilizar para ajudar o nosso clube do coração.

Temos um novo estatuto a ser feito agora. Tenho procurado ajudar na sua elaboração. Ele pode trazer de fato modernidade e soluções que coloquem o SPFC novamente na liderança do futebol brasileiro e mundial. Isso só virá com gestão profissional de verdade, afastando esse modelo em que o clube é dirigido apenas por uma pessoa, em caráter quase ditatorial. É preciso uma governança moderna e transparente, executada por profissionais competentes, que permita a participação de todos, inclusive de sócios e sócios-torcedores.

Todos nós são-paulinos devemos nos unir e fazer alguma coisa pelo time. É preciso aprovar um estatuto condizente com as necessidades de um clube de futebol moderno e eficiente. Antes que seja tarde.

Este é o momento.

1 COMENTÁRIO