Sem Antony e Dani Alves, São Paulo inicia semana de confrontos diretos

314

GazetaEsportiva

O São Paulo voltou a trabalhar nesta segunda-feira após a vitória por 2 a 1 sobre o Fortaleza, no último sábado, no Pacaembu. Prestes a enfrentar o Bahia, o técnico Fernando Diniz fechou a atividade à imprensa, permitindo que os jornalistas acompanhassem somente o aquecimento do elenco, desfalcado por Daniel Alves e Antony.

Convocados para as Seleções Brasileiras principal e olímpica, Daniel Alves e Antony não participaram do treinamento desta segunda-feira. O camisa 10 do São Paulo terá pela frente uma longa viagem a Singapura, onde o time do técnico Tite enfrenta Senegal e Nigéria. Já o jovem atacante enfrentará Venezuela e Japão em amistosos no Recife.

Alexandre Pato, que é a principal dúvida para a partida contra o Bahia, na Arena Fonte Nova, já vinha treinando com o elenco desde a última semana, embora com cargas menores, e nesta segunda participou normalmente do aquecimento em campo. Fernando Diniz e sua comissão ainda terá a atividade desta terça-feira para decidir se o camisa 7 tricolor será relacionado para a viagem a Salvador.

Sem muito tempo para implantar sua filosofia de jogo no São Paulo, Fernando Diniz tem pela frente uma semana desafiadora logo no seu início de trajetória no clube. Além de enfrentar o Bahia, no próximo domingo o Tricolor recebe o Corinthians no Morumbi, dois confrontos diretos pelo G6 do Campeonato Brasileiro, um deles sendo um clássico contra seu principal rival.

Para a vaga de Daniel Alves, Igor Gomes, autor do gol que deu a vitória ao São Paulo sobre o Fortaleza, pode ganhar uma oportunidade como titular. A última vez que o meia havia começado jogando foi justamente contra o Esquadrão de Aço, nas oitavas de final da Copa do Brasil. Para a vaga de Antony, Diniz ainda aguarda uma definição em relação a Alexandre Pato. Vitor Bueno é outra opção.

Arboleda, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Fortaleza, terá de cumprir suspensão. Desta maneira, Anderson Martins e Walce disputam a vaga para formar a dupla de zaga com Bruno Alves. Ambos se destacam pela saída de bola, mas a tendência é que Fernando Diniz opte pelo defensor mais experiente.