Após eliminação, Crespo fala em “dor”, mas que São Paulo terá vaga na Libertadores via Brasileiro

109

GloboEsporte

Eduardo Rodrigues 

Técnico admite má atuação contra o Fortaleza e promete recuperação em fim de temporada.

Após o São Paulo ser eliminado nas quartas de final da Copa do Brasil pelo Fortaleza, no Ceará, o técnico Hernán Crespo admitiu a má atuação do time na derrota por 3 a 1, disse sentir a “dor” da queda, mas afirmou que a equipe irá buscar uma vaga na Libertadores pelo Campeonato Brasileiro.

Publicidade

– Concordo que não jogamos bem, não jogamos como gostamos. Nesse momento, fazer análise é difícil, porque a tristeza é muito grande. Não é fácil, é doloroso. Devemos continuar a caminhar, acreditar, temos muito tempo adiante – afirmou Crespo após o jogo no Castelão.

Hernán Crespo em jogo do São Paulo — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Hernán Crespo em jogo do São Paulo — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Fora da Copa do Brasil, ao São Paulo resta agora o Brasileiro. O time ocupa a 16ª posição, com 22 pontos, só um a mais do que o América-MG, que abre a zona de rebaixamento.

Crespo, porém, vê cenário mais otimista e prometeu que o time irá disputar uma vaga na Libertadores do ano que vem – a distância para o G-6, hoje, é de sete pontos.

– Acredito que temos 19 rodadas em dois meses e meio. Todas as energias para conseguir uma vaga na Libertadores, com as mesmas pessoas, mesmos jogadores. Acredito muito nesse elenco, que deu alegria depois de muitos anos, que estão competindo.

Melhores momentos: Fortaleza 3 x 1 São Paulo, pelas quartas de final da Copa do Brasil

O treinador relembrou o título do Paulista, conquistado em maio, e afirmou que trata 2021 como um ano de transição para fortalecer a equipe para a temporada seguinte.

– Todos podemos falhar, cometer erros. Mas temos que saber onde começou tudo, onde estava o São Paulo no começo (do ano). Pensar que vamos ter vida fácil? Absolutamente não. O que aconteceu no Paulistão foi maravilhoso, mas sabíamos que manter competitividade em três competições é difícil – disse ele.

– Chegamos nas quartas da Libertadores, que (o São Paulo) não chegava há cinco anos. Acredito que no final o ano vai ser positivo, com a vaga na Libertadores. Vamos olhar para trás e ver que ganhamos o Paulistão, chegamos nas quartas de final da Libertadores, lembrar com dor que podíamos chegar na semifinal da Copa do Brasil e que conquistamos a vaga na Libertadores.

LEIA TAMBÉM: