Além das 4 linhas – San Lorenzo, o alvo

100

San Lorenzo

O alvo

Ontem a noite aconteceu o que eu esperava: Uma vitória sobre o adversário mais fraco do grupo. Foi bom para aliviar as tensões e trazer o bom ambiente de trabalho de volta, visando os confrontos contra o San Lorenzo.

Vejo o SPFC disputando a segunda vaga contra o bom San Lorenzo, atual campeão da Libertadores. Serão dois jogos muito complicados. Mas também vejo o nosso time em crescimento, com o entrosamento entre os três novos da defesa chegando e o conjunto ganhando corpo. Um jogador de velocidade na frente como Pato é fundamental a este time, fica claro que ele faz Michel, Ganso e LF201 crescerem em campo.

Preparem­se, pois em 18.03 e 01.04 teremos os jogos chaves desta fase, além da volta do primeiro jogo, que será só em 22.04 e até lá espero ver o SPFC pronto e Centurion sabendo ser o reserva de Pato como homem de velocidade na frente. Isso é o que espero que o Muricy saiba fazer: Se o time sem o cara da velocidade cai muito, temos que ter um bom reserva a Pato, o titular absoluto da frente que faz o ataque funcionar.

Em 15.04 vamos pegar o Danúbio na casa deles e até lá já teremos que ter praticamente eliminado o time Argentino. O nosso time terá tempo para evoluir. Espero que o Muricy elimine os testes e vá dando jogo ao time titular que até os meninos da rua, que jogam peladas aos 7 anos de idade, já sabem qual é.

O time é bom e o elenco oferece boas opções e reservas em todos os setores do campo. Mas sem manter um time único jogando não será possível dar padrão a ele. Até Muricy falou isso logo após a primeira partida, quando disse que a vantagem do primeiro adversário é o tempo que eles jogam da mesma forma. Façamos o mesmo então caríssimo Muricy.

Da minha parte considero nosso grupo de jogadores e comissão técnica fortes o suficiente para disputar todos os títulos do ano em igualdades de condições contra qualquer time Sul­Americano.

Penso que estão fazendo um jogo sujo inaceitável contra Muricy. Tudo que eu espero no futebol e em todas as áreas da vida é que o lado emocional seja sempre equilibrado com o lado racional. Este papo de obrigação de vencer campeonatos é coisa de maluco e os malucos devem ser deixados de lado em toda conversa séria. O que importa é se o trabalho está sendo bem feito e isso será avaliado na hora oportuna.

Vamos à luta São Paulo!!!

Saudações Tricolores

Carlito Sampaio Góes

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição dos proprietários da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.