Além das 4 linhas – O fator Dinheiro

947

 

Foi divulgada a média de público e renda dos clubes da primeira divisão do campeonato
brasileiro e a diferença de renda assusta e preocupa quanto ao futuro do SPFC.

O primeiro colocado em público pagante é o Flamengo com média de 47.596. O Palmeiras tem 30.118, Corinthians com 29.295 e SPFC com 32.067 pagantes. Mas quando analisamos a renda bruta a coisa fica ruim para o tricolor: O Palmeiras tem renda de R$ 14.736.810,00 e o SPFC tem R$ 7.472.716,00. O Corinthians tem R$ 12.815.710,00 e o Flamengo tem R$ 13.936.991,00. Se um clube manda 19 partidas em casa, podemos perceber a diferença financeira em um ano de campeonato brasileiro apenas. Estes números estão atualizados até 09.08.18. Sabendo que o elenco é bancado por dinheiro, o SPFC corre o risco de começar a ficar “pobre” perto dos concorrentes.

Uma coisa importante para o SPFC vai acontecer em breve, que é a inauguração da estação do metrô perto do estádio. Isso deverá elevar o público pagante no Morumbi, diminuindo esta conta a nosso favor. Lembro que o Morumbi é o único estádio que não tem metrô na cidade de SP. Tenho certeza que iremos aumentar a diferença em relação aos nossos principais concorrentes em média de público pagante. Mas é preciso pensar no valor médio do ingresso.

Vamos perder capacidade de investimento em relação aos demais clubes da cidade. Isso é
muito preocupante. Mas muito mesmo! Existem outras fontes de faturamento, mas é bom
analisar todas.

Temos o que comemorar nos tempos atuais: A escolha da nova diretoria de futebol colocou o clube de volta ao nosso lugar. Hoje os jogadores já começam a olhar o clube como olhavam antes. Foi isso que fez o Felipe escolher o clube, apesar de ter proposta de Cruzeiro e Flamengo.

Agora o diretor tem que melhorar o elenco. O time ele conseguiu. Mas e o dinheiro para pagar o salário de tanta gente boa de bola? No jogo pela sulamericana contra o Colón, vimos o que estou querendo dizer: O time veio de quatro super jogos e estava cansado. Contra o Vasco foi a mesma coisa. Quem tem o treinador para colocar nos lugares de Éverton, Rojas e Nene?

Talvez agora o Felipe. Só se mudar a maneira do time jogar tem outra opção. O Colón fez um jogo após a Copa. O SPFC fez quatro finais de campeonato. A mudança no nosso calendário é importante, mas a guerra política é enorme. Qual campeonato eliminar?

Voltamos a questão do calendário. A gente percebe nitidamente que os clubes brasileiros dão suas preferências a algumas taças. Vivem poupando jogadores. E voltamos ao tema deste post: Temos elenco para fazer rodízio? O Grêmio venceu o Flamengo com time reserva. Por outro lado, uma outra boa notícia: Se os clubes que estão na libertadores e copa do Brasil deixarem o brasileiro um pouco de lado, crescem as chances do tricolor. Até semana que vem.

Salve o tricolor paulista, o clube  da fé.

Carlito Sampaio Góes

Carlito Sampaio Góes é advogado, trabalha como representante comercial, frequenta o Morumbi desde 1977 e prefere o time que vence ao time que joga bonito. Escreve nesse espaço todas as quintas-feiras.

ATENÇÃO: O conteúdo dessa coluna é de total responsabilidade de seu autor, sendo que as opiniões expressadas não representam necessariamente a posição da SPNet ou de sua equipe de colaboradores.

2 COMENTÁRIOS