“Vou dormir pensando em como será quarta-feira”

106

SãoPaulo.F.C

Érico Leonan

Kardec comandou a vitória sobre o América-MG e projetou o duelo de volta da semifinal da Libertadores

aa_PAF8844.jpg

Por Fernando Nunes / saopaulofc.net

Alan Kardec deixou a má fase para trás e vive dias mais tranquilos no Tricolor. Neste domingo (10), com a pontaria em dia, o camisa 14 comandou a vitória sobre o América-MG por 3 a 0 e foi um dos grandes destaques no confronto válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2016. A exibição deste final de semana rendeu motivação extra ao centroavante, que viajará mais confiante para o duelo de volta da semifinal da Libertadores da América de 2016 – contra o Atlético Nacional-COL, em Medellín.

“Não devo achar que sou o melhor do mundo por ter feito alguns gols. Tem de buscar uma regularidade, uma regularidade por cima. O primeiro semestre não foi bom, mas você tem de virar a chave. Acho que é o momento de seguir em frente, trabalhando, que eu sei do meu potencial. Quero corresponder sempre”, afirmou o centroavante, que completou.

“Já vou dormir, hoje, pensando em como será a partida na quarta-feira, em como poderei ajudar. Independentemente de quem for escalado, nosso time está mais confiante para brigar pela classificação. Se for desde o início da partida ou no decorrer do jogo, quero ajudar o São Paulo. Tentarei fazer o meu melhor, como hoje, para conseguirmos o nosso objetivo”, acrescentou o jogador, que não deu vida fácil para os mineiros no Estádio Cícero Pompeu de Toledo.

Aos 33 minutos do primeiro tempo, Centurión fez o cruzamento fechado, Alan Kardec subiu mais do que a zaga do América-MG e abriu o placar pelo alto: 1 a 0! “A bola parada é um ponto forte nosso, temos jogadores com boa estatura, bom tempo de bola. É uma das nossas armas, mas temos que jogar. Não podemos abrir mão de jogar. É uma equipe extremamente técnica, com jogadores que chegam tocando na nossa área. Então é um jogo de coração, diferente de tudo. Nós vamos buscar o resultado. É muito difícil, mas não impossível”, avaliou.

Mais tarde, aos 14 minutos da segunda etapa, Luiz Araújo invadiu a área pela direita, saiu com facilidade da marcação, tocou rasteiro para o meio, e Alan Kardec se esticou para mandar ao fundo das redes: 3 a 0. “Sempre tive vontade para fazer o meu trabalho, e hoje felizmente pude ajudar com dois gols. Nunca desisti e lutei bastante para ajudar os meus companheiros. Estou focado e quero ser decisivo novamente nos próximos jogos, porque sei que tenho condições para isso. Estou cada vez mais motivado e confiante”, disse o jogador, que emendou.

“Passei por um turbilhão de emoções no primeiro semestre. Por vezes você deixa entrar na cabeça algumas coisas negativas que podem atrapalhar, mas a partir do momento que a boa fase volta, as coisas melhoram. Os detalhes, aliados ao talento e com muito foco, são determinantes para ajudar. E foi nisso que me apeguei para reagir na temporada”, finalizou Kardec, que já tinha deixado a sua marca na vitória sobre o Fluminense (2 x 1).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor entre com seu comentário!
Entre seu nome aqui

dezoito − dois =