Com desfalques, Cuca pede mudanças no calendário do futebol brasileiro

169

GazetaEsportiva

São Paulo, mais uma vez, sofrerá com ausências por conta de convocações para a Seleção Brasileira. O polivalente Daniel Alves e o atacante Antony foram chamados para integrar as equipes principal e olímpica, respectivamente, e desfalcam o time de Cuca nos duelos contra Bahia e Corinthians.

Os comandados de Cuca disputam amistosos em Singapura contra Senegal e Nigéria, nos dias 10 e 13 de outubro, ordenadamente. Enquanto os chamados por André Jardine pegam Venezuela e Japão, em Pernambuco, nos dias 10 e 14 de outubro, nesta ordem.

Ainda podendo perder o zagueiro Arboleda para a seleção equatoriana, o técnico Cuca lamentou a disposição do calendário do futebol brasileiro, pediu uma adequação ao vigente na Europa e destacou a força do elenco tricolor.

“Normal. É a nossa cultura. Tem de entender que é assim. Por isso privilegia o elenco, tenta treinar o elenco de forma homogênea. Por exemplo, no mês que vem temos sete jogos. Além dos selecionados, é natural ter desfalques, vai ter jogador suspenso, com lesão. Por isso a força de elenco”, disse.

“A data Fifa só vai ficar correta quando tiver calendário de acordo com futebol europeu. Sempre falei isso. Poderia fazer calendário de acordo com o futebol europeu. A Argentina faz isso. Em junho e julho teria férias, e mais dez dias em dezembro, natal e ano novo. Seria mais férias ao jogador e estaria no processo natural da Europa, universalizando. Sei que envolve estadual, mas podiam pensar nisso”, finalizou.