Além das 4 linhas – Vai bem, obrigado!

224

Eu vi o jogo deste domingo com Binho e Kleber, dois velhos amigos tricolores. Amigos com 40 anos de Morumbi comigo. Todos estávamos tensos pelo jogo e felizes por estarmos juntos tomando uma cerveja e vendo o tricolor jogando bem no primeiro tempo. O que mais chamou minha atenção foi o domínio que o tricolor teve nos 90 minutos na verdade, já que nosso bom goleiro Jandrei não fez grandes defesas no jogo todo, ao contrário do Cássio. Na realidade Igor Gomes poderia ter feito um gol numa bela jogada já no apagar das luzes. E o adversário? Nada fez contra nosso gol.

O nosso querido tricolor vai bem, obrigado. O treinador RC arrumou a casa mesmo com toda a dificuldade financeira, com a ajuda do Diretor Carlos Belmonte e do Gerente Muricy Ramalho. O clube vem dando a volta por cima, esta é minha certeza, o copo meio cheio que vi após a partida. Pode ser campeão deste BR22? Eu acho que não, mas está fazendo e vai continuar a fazer uma boa figura, assim como faz na copa do brasil e na sula. Estou satisfeito com o que vejo. O clube tem 2 times e mais de 2 esquemas de jogo. Falar após o jogo que o treinador errou é fácil. Quando cheguei na casa do Binho a resenha era a não escalação de um volante, só meias no meio de campo formado por 3 bons jogadores, Nestor, Igor e Alisson. Deu certo e elogiamos depois. Quando RC fez as trocas no intervalo, criticamos. Não deu certo. O time parou de jogar aquele bom futebol da primeira etapa. Eu ainda falei que teria trocado Luciano por Eder. Binho falou que não trocaria nenhum. Rodrigo, filho do Binho, com seus 13 anos, já entende de futebol e sempre deu bons pitacos. Ele concordou comigo em trocar apenas Luciano. Eu sinto muito a falta do Sara, pois se ele tivesse começado o jogo, teria o Alisson para depois, um dos melhores em campo ontem.

Durante o jogo alguns comentários foram deixando claro, mais uma vez, as carências deste atual elenco, como um zagueiro melhor, para quando atuar com três, um atacante de lado e talvez um novo lateral na esquerda com maior poder de marcação. Na direita já sabemos que Rafinha tem contrato mais curto e já tem seus 36 anos, um peso para a posição, ou seja, logo um novo lateral direito deve aparecer no Morumbi. Fomos unanimes em afirmar que o Leo destoa na lateral, onde realmente não agrada. O Miranda sairá em dezembro, ou seja, um ou dois zagueiros devem pintar. Quem sabe o Luizão assume uma vaga?

Publicidade

Após a partida RC ficou frisando e pedindo para a diretoria não vender Igor Gomes e Nestor. Eu as vezes vejo boas condições de trazer gente com potencial que não está bem na Europa por exemplo, ou mesmo no Brasil, como foi o caso do Alisson. Muitas vezes estes caras podem vir por empréstimo ou até com passe livre e salário compatível, o que permite as vendas, coisa necessária após 2 anos de pandemia. O clube ainda não tem um patrocinador que permita não vender jogador. É uma pena isso, mas Nestor e Igor estão mesmo muito bem e por E$ 20 milhões os dois sairão, algo perto de R$ 120 milhões pelas duas joias de Cotia. Talles ainda não está pronto, duas boas contratações terão que ser realizadas para repor. É a sina dos clubes brasileiros.

Durante o jogo lembramos do Luiz Araújo, que saiu da França e está nos USA, seria uma enorme contratação para o ataque. Um bom filho que seria muito bem vindo à sua casa de origem.

Mas o fato meus amigos, é que o tricolor tem um caminho pela frente, e isso é muito bom de ver. Alegrias nos esperam, podem apostar.

Salve o tricolor paulista, o clube da fé.

Carlito Sampaio Góes